conecte-se conosco


Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Algodão brasileiro, KCl russo, metano e colheita da soja são os destaques

Publicado

A escalada da produção algodoeira no Brasil, o diálogo presidencial para fornecimento de cloreto de potássio pela Rússia, o metano como solução e informações sobre a colheita de soja em Mato Grosso são os grandes destaques da edição deste sábado (19) do Momento Agrícola.

De autoria do produtor rural, agrônomo e consultor Ricardo Arioli, o programa é veiculado aos sábados pela rede de rádios do Agro e repercutido em forma de notícias e com o link do Soundcloud pelo Enfoque Business, também aos finais de semana.

Algodão

O Momento Agrícola deste sábado começa falando sobre algodão. Ricardo Arioli destaca a produção de algodão na Bahia – que semeou área 15% maior de algodão na safra 2021/22, encerrando o plantio com 306.375 hectares – e, na sequência, parte para uma abordagem no âmbito nacional, onde os números da cotonicultura brasileira chamam atenção.

Algodão: MT responde por 68% da produção nacional. Bahia com 22%.

Segundo Arioli, em 2021 o Brasil exportou 2,4 milhões de toneladas de algodão em pluma, o que corresponde a 22,6% das exportações globais, significando quase o dobro das exportações de 2015, quando o país respondeu por 12,4% dos negócios no exterior. “O Brasil é o 2º exportador mundial de algodão, atrás apenas dos Estados Unidos. Mas estamos encurtando essa distância”, disse o produtor e apresentador do programa.

Na mesma abordagem, Arioli destaca a valorização do algodão brasileiro com a certificação ABR (Algodão Brasileiro Responsável). Vale a pena ouvir, logo no início do primeiro bloco.

Fertilizantes

O Momento Agrícola também traz neste sábado uma análise da visita do presidente Jair Bolsonaro à Rússia, com destaque para as conversa presidencial sobre o fornecimento de cloreto de potássio, elemento fundamental dos fertilizantes.

Bolsonaro e Putin: Garantia de fornecimento mínimo de potássio.

Bolsonaro recebeu do presidente Russo, Vladimir Putin, a garantia de um fornecimento mínimo do produto, o que é uma notícia importante para o Agro brasileiro. “A agricultura brasileira é altamente dependente da importação de potássio… Importamos 85% do nosso consumo e 25% vem da Rússia”, observou Ricardo Arioli.

Vale lembrar que desde o meio do ano passado, os preços dos fertilizantes subiram muito e estão na média 300% mais caros, o que impactará diretamente nos preços das próximas safras, refletindo diretamente no bolso do consumidor final em 2023.

Outras

O Momento Agrícola deste sábado traz outras abordagens relevantes para o Agro. As vendas externas do país e a participação da China nas exportações são dois temas explorados.

As quebras de contratos da Bayer para entregas de Glifosato e a muito provável incapacidade de cumprimento de contratos de compras de insumos e de fornecimento de soja e milho pelos produtores do Sul do Brasil em razão da estiagem também são temas relevantes abordados no programa deste sábado.

Nos dois últimos blocos, o Momento Agrícola traz outras abordagens, intituladas “O Metano como solução” e “Giro da Colheita de Soja em Mato Grosso”.

Para ouvir o Momento Agrícola deste sábado na íntegra, clique a seguir:

 

publicidade

Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Pneu de soja, corte de impostos e ‘Famato Embrapa Show’ são destaques

Publicado

O uso do óleo de soja na fabricação de pneus, as inovações da Embrapa e outros assuntos de interesse do Agro compõem o conteúdo do Momento Agrícola deste sábado (14.05).

De autoria do produtor rural, agrônomo e consultor Ricardo Arioli, o programa é veiculado aos sábados pela rede de rádios do Agro e repercutido em forma de notícias e com o link do Soundcloud pelo Enfoque Business, também aos finais de semana.

Pneu de soja

O primeiro destaque do Momento Agrícola deste sábado, no bloco inicial do programa, é o lançamento no mercado brasileiro, pela Goodyear, do primeiro pneu que leva óleo de soja em sua composição. Trata-se do novo Wrangler Workhorse, fabricado em Americana (SP) e voltado para picapes e SUVs.

Segundo a Goodyear, o óleo de soja substitui os derivados de petróleo na produção do pneu que, além de ser mais sustentável também tem desempenho superior ao seu antecessor, o Wrangler Armortrac. A indústria afirma que o pneu com soja é mais durável, oferecendo melhor dirigibilidade em piso molhado e mais tração em todos os tipos de terreno. Outra vantagem, segundo a Goodyear, é que o óleo de soja assegura melhor desempenho em diferentes temperaturas, com maior aderência na pista.

Outras

O Momento Agrícola também destaca as inovações da Embrapa, a organização do ‘Famato Embrapa Show’, as tecnologias desenvolvidas para o Agro, notícias sobre fertilizantes (potássio) que poderão vir da Jordânia, os cortes em impostos de produtos importados, entre outros assuntos.

Para concluir a edição deste sábado, o Momento Agrícola traz entrevistas com os temas “Até o Berro do Boi”, com Sérgio Pflanzer, da Unicamp, e “Defensores do Agro”, com o aluno Vittorio Vieira.

Para ouvir o Momento Agrícola na íntegra, clique abaixo:

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana