conecte-se conosco


Setor Público & Agentes

No sábado: Em extraordinária, Câmara votará crédito de R$ 8 milhões para pessoal, insumos e medicamentos

Publicado

O projeto de lei 001/2021, para abertura de crédito especial no valor de R$ 8,24 milhões, foi encaminhado à Câmara Municipal pelo Executivo para contratação de pessoal e aquisição de insumos e medicamentos exclusivamente para o enfrentamento à pandemia do novo coronavírus em Tangará da Serra.

A confirmação ocorreu ontem à tarde, em post na página do Facebook (foto acima) do vereador Rogério Silva (DEM), após reunião na prefeitura entre o prefeito Vander Masson (PSDB) e vereadores. Também participaram da reunião membros do primeiro escalão do Executivo.

A matéria será apreciada em sessão extraordinária, neste sábado, às 09hs, no plenário do Legislativo local.

Os recursos pleiteados serão utilizados na contratação de pessoal – 103 profissionais, sendo seis médicos e 14 profissionais de enfermagem e técnicos em caráter emergencial – conforme já mencionado pelo prefeito em entrevista coletiva no início da semana passada.

Demanda

Conforme antecipado pelo Enfoque Business na semana anterior, a demanda crescente imposta em Tangará da Serra pela pandemia do novo coronavírus (aliada ao desgaste e a redução das equipes de atendimento) motivou a propositura pela contratação de pessoal e aquisição de medicamentos e insumos.

Leia mais:  Medidores de energia serão aferidos pelo Ipem MT

O objetivo é suprir as necessidades dos plantões na rede pública de saúde e reforçar o atendimento aos pacientes. Segundo boletins divulgados pelo Comitê Interinstitucional de Prevenção e Monitoramento ao Coronavírus, do último dia 04 até ontem (quinta, 14) foram registrados 3.787 atendimentos de pacientes com suspeita de Covid-19.

Além da insuficiência nas equipes para atendimento e cumprimento de plantões nas UPA, URA e no Hospital Municipal Arlete Daisy Cichetti de Brito, há baixas relacionadas aos afastamentos por férias. “Os profissionais estão desgastados e precisam de férias. Sabemos das dificuldades que temos em relação ao pessoal, mas também temos de pensar no servidor. Eles estão no limite”, disse o prefeito, em entrevista concedida semana passada.

(Foto: Facebook/Vereador Rogério Silva)

publicidade

Setor Público & Agentes

Marcia Kiss assume pasta de Assistência Social em Tangará; Ana Lúcia alega surpresa

Publicado

O prefeito de Tangará da Serra, Vander Masson, apresentou e empossou na manhã desta segunda-feira, dia 08, a nova secretária municipal de Assistência Social.

A professora Marcia Regina Kiss Siqueira de Castro Cardoso foi empossada em ato ocorrido no Gabinete de Políticas Públicas para Mulheres (GPM), da Prefeitura Municipal.

Ela assume no lugar de Ana Lúcia Adorno de Souza, que ocupou o cargo entre janeiro e outubro de 2021. “Quero agradecer a Ana Lúcia pelo trabalho, empenho e esforço que dedicou à Secretaria ao longo desses 10 meses, deu o seu melhor e somos muito gratos a ela por isso”, disse o Prefeito Vander.

Márcia Kiss assumiu a pasta na manhã desta segunda-feira.

Marcia Kiss, como é mais conhecida no meio social, é casada com Arnaldo, mãe de 2 filhos: Matheus e Ana Clara. Nasceu em São Paulo/SP no dia 25/10/1972 e foi criada no Paraná.

Formada em Ciências Exatas e Pedagogia. É residente em Tangará da Serra desde março de 1995. Durante esses 26 anos em Tangará da Serra, trabalhou em várias escolas, dentre elas o Centro Municipal de Ensino Silvio Paternez, a Escola Acalanto, a Escola Objetiva, o Colégio Ideal, o Centro Infantil Caracol Kids e a Avance Colégio e Cursos, nas quais atuou como professora, no setor financeiro, como coordenadora pedagógica e como diretora.

Leia mais:  Executivo alerta para comercialização ilegal de imóveis no Morada do Sol

Já foi Conselheira Tutelar e Coordenadora do CRAS (Centro de Referência em Assistência Social), na Vila Esmeralda.

Em 2016 e em 2020, Marcia Kiss foi candidata a vereadora em Tangará da Serra.

Ao ser empossada, Marcia assegurou que irá conduzir a Secretaria com dedicação. “Agradeço a oportunidade dada a mim pelo prefeito Vander Masson. Buscarei conduzir a Secretaria com sabedoria, com união e empenho de todos os servidores para conduzir a pasta”, disse, destacando que as ações serão com planejamento e atuando ao lado das demais secretarias.

Surpresa

Ana Lúcia Adorno atuou pela pasta desde janeiro, no início da atual gestão.

Comunicada de sua exoneração na última sexta-feira (05), Ana Lúcia Adorno de Souza, disse estar surpresa com a decisão do Executivo. Em entrevista veiculada pela rádio Serra FM nesta manhã de segunda-feira, Ana Lúcia relatou que, ao ser informada que deixaria a pasta de Assistência Social, ouviu o gabinete do Executivo que sua atuação não estava afinada com a gestão e que seu desempenho não foi o esperado pelo prefeito Vander Masson.

Leia mais:  Tangará da Serra: Deputado sinaliza com encaminhamentos para saúde e logística

Ela disse, porém, que fez o possível para atender as expectativas da administração municipal e que, apesar das limitações estruturais e orçamentárias que enfrentou, buscou desempenhar suas funções da melhor maneira possível. Ana Lúcia agradeceu a oportunidade de compor a gestão municipal e disse torcer pelo êxito dos projetos em andamento na pasta.

(Redação EB, com Assessoria)

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana