conecte-se conosco


Infraestrutura & Logística

Tangará da Serra: Prefeitura projeta ligação de avenida ligando Centro ao Buritis/Bela Vista

Publicado

A extensão da Avenida Tancredo de Almeida Neves na direção do quadrante norte do perímetro urbano de Tangará da Serra (foto acima) está entre os projetos a serem executados pela prefeitura nos próximos meses.

A informação foi repassada pelo vice-prefeito Marcos Scolari em entrevista concedida à rádio Serra FM na manhã dessa terça-feira (02). A extensão da avenida, se confirmada, atenderá um antigo anseio da comunidade local, possibilitando a ligação da região do Buritis/Morada do sol com a área central da cidade.

Obra

A extensão representaria uma obra de pavimentação de aproximadamente 1,5 quilômetro, com necessidade de dois pontilhões, já que há dois córregos no trajeto – Araputanga e Mutum), com suas áreas de preservação. (Imagem abaixo)

A obra poderá conter até quatro bueiros celulares e incluirá, numa etapa anterior, estudo de vazão nos dois cursos d’água.

Para viabilizar a obra, o município contará com o apoio do governo do Estado. “Temos as portas abertas no governo e este bom diálogo favorecerá esta realização”, disse Marcos Scolari.

Leia mais:  Saúde Pública: CHM de Tangará da Serra pode ser alternativa para estrutura regional

Benefícios

A viabilização do prolongamento resultará no desenvolvimento daquela região da cidade, proporcionando o preenchimento do vazio urbano hoje existente entre as imediações da Vila Olímpica até os dois bairros Buritis e Bela Vista.

De acordo com o engenheiro e especialista em logística Silvio Tupinambá, a ligação favorecerá os moradores daquela localidade urbana com o encurtamento da distância para a área central da cidade, que hoje tem de ser percorrida ou pela Estrada 11, em conexão com MT-480 e Nilo Torres, ou pela avenida Zelino Lorenzetti, em direção à região do Tarumã.

Neste aspecto, segundo Tupinambá, o prolongamento seria opção de saída para quem está no centro, em direção à Linha 12, Deciolândia e anel viário. “Outras vantagens seriam o desafogo dos tráfegos nas avenidas Ismael José do Nascimento e Nilo Torres, a valorização imobiliária daquela região e, consequentemente, atração de investimentos”, disse o especialista.

Segundo informações obtidas pelo Enfoque Business junto à Secretaria Municipal de Infraestrutura, já há um projeto de ligação das localidades com a Tancredo Neves protocolado na prefeitura.

Leia mais:  MT Garante: Governo anuncia fundo de R$ 100 milhões para facilitar crédito a pequenos

publicidade

Infraestrutura & Logística

Infraestrutura aeroportuária: Governo lança licitação para ampliação do aeroporto de Cáceres

Publicado

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística publicou, nesta terça-feira (11.02), a licitação para reforma e ampliação do Aeroporto Nelson Martins Dantas, em Cáceres. Orçada em R$ 6.692.193,34, está prevista a realização de obras para construção do terminal de passageiros e também fornecimento e instalação de materiais, equipamentos e sistemas de auxílio à navegação.

A primeira licitação lançada pela Sinfra-MT em 2022 será realizada na modalidade de Regime Diferenciado de Contratação (RDC), do tipo menor preço e em dois lotes: um para as obras do terminal (Lado Terra) e outra para a aquisição de equipamentos e sistemas (Lado Ar).

Entre os equipamentos previstos para serem adquiridos, estão sinalização horizontal, balizamento luminoso, sinalização vertical, farol de aeródromo, biruta iluminada, PAPI (sistema de auxilio visual à navegação) e iluminação do pátio de aeronaves. A reforma do terminal inclui serviços de drenagem, construção de estacionamento de veículos e sinalização.

A reforma do Aeroporto, que foi inaugurado em 1997, irá fomentar a aviação regional em Cáceres, com a possibilidade de receber voos comerciais, inclusive no período noturno.

Leia mais:  Tangará da Serra: Estiagem severa leva município a racionar água a partir de segunda-feira

O Governo de Mato Grosso também está formalizando um convênio com a Prefeitura de Cáceres, para a execução de microrrevestimento asfáltico das pistas de pouso, decolagem, de táxi e do pátio de estacionamento do aeroporto. Para a realização dessa obra, a Sinfra-MT deverá repassar R$ 400 mil para o município.

Programa Mais MT Aeródromos

Lançado em agosto de 2021, o Programa Mais MT Aeródromos prevê investimentos de quase R$ 100 milhões em 28 aeródromos de Mato Grosso.

Desde então, a Sinfra-MT já celebrou oito termos de cooperação com as prefeituras, sendo quatro para encontrar um local para instalação de um novo sítio aeroportuário, nos municípios de Alto Araguaia, Itiquira, Nova Canaã do Norte e em Poconé, sendo este último, para um aeroporto na região de Porto Jofre, como forma de fomentar o turismo.

Outros quatro termos foram celebrados com Diamantino, São Félix do Araguaia, Vila Rica e Primavera do Leste, para elaboração de projetos para melhorias nos aeródromos dos municípios.

Além de Cáceres, mais seis cidades devem firmar convênios com a Sinfra-MT para realização de obras de melhoria na infraestrutura. O Estado deverá repassar R$ 43 milhões para Água Boa, Canarana, Confresa, Matupá, Porto Alegre do Norte e Brasnorte. Entre os serviços previstos nos convênios estão construção de cerca patrimonial, pavimentação de pistas e aquisição de equipamentos.

Leia mais:  SAMAE descarta Russo e Estaca e prioriza poços artesianos; Projeto Sepotuba será readequado

Nos próximos dias, a Sinfra-MT também deve lançar licitação para ampliação e pavimentação da pista do aeroporto de Juara e, no começo deste ano, o Ministério da Infraestrutura autorizou a realização do processo licitatório para recuperação da pista e aquisição de equipamentos para o Aeroporto de Tangará da Serra.

(Fonte: SINFRA-MT)

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana