TANGARÁ DA SERRA

Infraestrutura & Logística

Licitação do Aeroporto de Tangará da Serra deverá ocorrer este ano, com investimento de até R$ 14 milhões

Publicado em

Já aprovado pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República (SAC/PR), o projeto do aeroporto regional de Tangará da Serra demandará entre R$ 12 milhões e R$ 14 milhões em investimentos. Foi o que afirmou o deputado federal Neri Geller (PP), que esteve em Tangará da Serra na manhã desta segunda-feira (13), durante reunião com lideranças, na Câmara Municipal.

O parlamentar esteve em Tangará da Serra para contatos políticos e para – segundo ele – tratar de demandas do município, como o próprio aeroporto regional e emendas para saneamento básico e saúde.

Município já realiza obras estruturais, como mureta operacional e avenida de acesso ao aeroporto.

Geller disse que a unidade aeroportuária de Tangará da Serra terá caráter regional e poderá também ser utilizada par cargas. Os recursos – que segundo Neri Geller já estariam confirmados pela SAC/PR – ainda precisam ser liberados para que o convênio seja assinado, dando sinal verde para o processo licitatório, cuja responsabilidade será do governo estadual.

Geller: “O aeroporto regional de Tangará da Serra é uma questão estratégica”.

Segundo o parlamentar, a licitação deverá ocorrer ainda este ano. “O aeroporto regional de Tangará da Serra é uma questão estratégica. Não é de interesse só do município, e sim de todo o estado de Mato Grosso. Vamos acelerar este processo para que o recurso seja liberado para que o convênio seja assinado e a licitação ocorra ainda este ano”, disse Geller.

O município, por sua vez, já realiza obras infraestruturais no sítio aeroportuário, que consistem em mureta para cerca operacional (exigência da ANAC), e avenida de acesso a partir do anel viário.

Importância estratégica

Considerado como fundamental instrumento de logística para impulsionar a economia do município, o aeroporto municipal – que leva o nome do pioneiro e fundador do município Joaquim Aderaldo de Souza – tem importância estratégica para toda a região polarizada por Tangará da Serra, que inclui cerca de 20 municípios que, juntos, somam 400 mil habitantes e um PIB que gira em torno dos R$ 20 bilhões. Com melhor estruturação física, o aeroporto servirá, especialmente, de atrativo para investimentos privados no município.

 

Comentários Facebook
Advertisement

Infraestrutura & Logística

Com 12 km de asfalto liberado, pavimentação da 240 deverá chegar a Santo Afonso até dezembro

Published

on

O Prefeito Municipal Vander Masson visitou nesta semana, em companhia do Secretário Municipal de Infraestrutura, Magno César Ferreira, o canteiro de obras da Rodovia MT 240, estrada que liga Tangará da Serra até Santo Afonso. A pavimentação do trecho está sendo feita pela Guaxe Construtora, que prometeu entregar cerca de cinco quilômetros de asfalto por mês e, ao que tudo indica, está conseguindo atingir a meta estabelecida.

Neste momento, 12 quilômetros já estão pavimentados e aproximadamente seis estão em fase de compactação da base. A rodovia está sendo construída com a participação de quatro associados: Governo do Estado de Mato Grosso, as Prefeituras Municipais de Tangará da Serra e Santo Afonso e ainda a Associação dos Beneficiários da Rodovia MT 240, que reúne os produtores rurais que possuem propriedades nas margens.

Prefeito Vander Masson (esq), em vistoria com o secretário Magno, está satisfeito com o andamento das obras.

A Prefeitura de Tangará da Serra está participando com a limpeza das margens dos 24 quilômetros que estão dentro dos limites do município e, no próximo ano, quando a rodovia estiver totalmente pavimentada vai colaborar com a sinalização da rodovia e recomposição das margens, melhorando também algumas áreas de preservação permanente que existem na região.

Masson disse que ficou muito satisfeito com o que observou nesta visita, especialmente porque é bem provável que até o final do ano a pavimentação realmente seja concluída até Santo Afonso (37,61 quilômetros), atendendo finalmente o anseio dos produtores da região e dos usuários que esperaram por muitos pelo asfalto. Inicialmente a obra tinha previsão de custar R$ 18.547.733,46.

(Assessoria de Imprensa)

Comentários Facebook
Continue Reading

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana