conecte-se conosco


Cidades & Geral

Feriado nacional de Tiradentes terá todo comércio fechado, inclusive mercados

Publicado

No feriado nacional de Tiradentes, celebrado nesta terça-feira (21), todo o comércio estará fechado – inclusive mercados – em todo os estados do país.

De acordo com a lei federal 662, serão permitidas somente atividades privadas e administrativas absolutamente indispensáveis, como hospitais, farmácias (plantão), órgãos de segurança pública, serviços de abastecimento de água e energia e postos de combustíveis. Nestes últimos, as conveniências atenderão até às 12hs.

Em Tangará da Serra, o Executivo Municipal estabeleceu em decreto (166/2020, de 17/04), que inclui os feriados no fechamento do comércio previsto aos domingos (decreto 157/2020, de 13 de abril) por conta das medidas de prevenção ao coronavírus. Além dos estabelecimentos já citados, poderão funcionar comércios alimentícios (restaurantes, padarias e assemelhados) e distribuidoras de gás em sistema de ‘delivery’.

(*) Veja imagem do decreto 166 ao final do texto.

O mesmo decreto municipal estabelece, porém, que restaurantes e lanchonetes localizadas às margens de rodovias não se enquadram nas medidas restritivas, devendo observar as medidas de prevenção e higienização.

Leia mais:  Meteorologia prevê onda de frio intenso no país; Tangará da Serra poderá ter mínimas de 5°C

Abaixo, os feriados nacionais, estaduais e municipais em 2020:

– 21 de abril (terça-feira) – Tiradentes (feriado nacional);

– 01 de maio (sexta-feira) – Dia do Trabalho (feriado nacional);

– 13 de maio (quarta-feira) – Aniversário de emancipação de Tangará da Serra;

– 11 de junho (quinta-feira) – Corpus Christi (feriado religioso municipal);

– 12 de junho (sexta-feira) – ponto facultativo;

– 7 de setembro (segunda-feira) – Independência do Brasil (feriado nacional);

– 12 de outubro (segunda-feira) – Nossa Senhora Aparecida (feriado nacional);

– 28 de outubro (quarta-feira) – Dia do Servidor Público (ponto facultativo);

– 02 de novembro (segunda-feira) – Dia de Finados (feriado nacional);

– 20 de novembro (sexta-feira) – Consciência Negra (feriado estadual);

– 07 de dezembro (segunda-feira) – ponto facultativo;

– 08 de dezembro (terça-feira) – Nossa Senhora da Conceição (feriado municipal);

– 25 de dezembro (sexta-feira) – Natal (feriado nacional).

(*) Abaixo, imagem do decreto 166/20220:

Leia mais:  Caldo de cana na Feira do Centro, um brinde à história e à geração de emprego e renda
publicidade

Cidades & Geral

Feira do Centro oferece fruto da América para sucos, doces e pratos com peixes e carnes

Publicado

As frutas estão entre os itens mais comercializados na Feira do Produtor do Centro. Nesta época do ano, uma fruta da época se destaca pela qualidade e visual notável: o maracujá.

Oferecido fartamente no setor de hortifrutis do mercado público de Tangará da Serra, o maracujá é alternativa de renda na agricultura familiar a partir de um manejo especializado para manter o bom padrão.

O fruto é natural da América e pode ser encontrado, nativo, em matas desde o Rio Grande do Sul até o norte do Brasil. Também é comum em toda a América Central e na Flórida, já nos Estados Unidos.

Oferecido fartamente no setor de hortifrutis do mercado público de Tangará da Serra, o maracujá é alternativa de renda na agricultura familiar.

Além de saborosa, a fruta rende inúmeros benefícios à saúde humana, sendo importante para fortalecer o sistema imunológico, controlar a glicose no sangue e, também, no combate ao estresse e à ansiedade.

De acordo com o presidente da Associação dos Feirantes (Asfet), Valdeci Ferraz Aquino, o maracujá ofertado na Feira se destaca pela qualidade e preço atrativo. “A qualidade do maracujá oferecido pelos nossos feirantes sempre chama atenção do consumidor e isso ajuda a manter uma grande movimentação na Feira do Centro às quartas e aos domingos”, observa.

Leia mais:  Caldo de cana na Feira do Centro, um brinde à história e à geração de emprego e renda

Maracujá na culinária

O maracujá pode ser consumido ao natural ou na forma de sucos. Mas o fruto incrementa a culinária brasileira como um ingrediente de classe. O maracujá rende sorvetes, musses, bolos, tortas e vários tipos de doces.

Mas também é utilizado com sucesso e requinte em pratos salgados à base de peixes e carnes vermelhas e de frango.

Para ver 48 receitas com maracujá, acesse o seguinte link a seguir clicando nos trechos sublinhados em vermelho: https://www.receiteria.com.br/receitas-com-maracuja/

Atendimento

Neste domingo, mais um a vez a Feira estará de portas abertas a partir das 06h00, até o meio-dia. Além do maracujá e outras frutas, os consumidores terão à sua disposição uma grande variedade de hortaliças, carnes e embutidos, leite natural e seus derivados, produtos coloniais, doces, temperos, além da tradicional praça de alimentação.

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana