conecte-se conosco


Saúde Pública

Região com polo em Tangará de Serra tem três municípios com ‘risco muito alto’ de contaminação; Outros 13 estão em ‘risco alto’

Publicado

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou nesta quinta-feira (09.07) o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. O documento mostra (a partir da página 8) que 32 municípios do Estado – três deles na região polarizada por Tangará da Serra – configuram na classificação com risco “muito alto” para o novo coronavírus.

Na região, estes municípios são Tangará da Serra, Sapezal e Campo Novo do Parecis. Tangará soma 229 casos ativos (segundo boletim local) e Taxa de Crescimento da Contaminação (TCC) de 50%, sendo o único da região com casos ativos acima de 150. Sapezal tem 127 casos ativos e TCC de 58%, enquanto Campo Novo do Parecis soma 104 ativos  e TCC de 44%.

Veja o último boletim epidemiológico divulgado pela SES-MT acessando o link abaixo:

http://www.mt.gov.br/documents/21013/0/Boletim+Informativo+n%C2%BA+123/bcbab223-068f-6904-c41f-97b29da185bd

Ainda de acordo com informações contidas no boletim, os municípios que estão na classificação de risco “alto” para a disseminação do coronavírus na região polarizada por Tangará da Serra são: Alto Paraguai, Arenápolis, Barra do Bugres, Brasnorte, Comodoro, Denise, Diamantino, Nova Marilândia, Nova Maringá, Nortelândia, Nova Olímpia, Porto Estrela e São José do Rio Claro.

Leia mais:  Insumos Covid: Sedativos e oxigênio preocupam; Município aguarda pedidos desde janeiro

O sistema de classificação que indica o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades. Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT.

publicidade

Saúde Pública

Tangará da Serra divulga 1ª lista de crianças de 5 a 11 anos para vacinação

Publicado

A Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra divulgou na tarde desta quinta-feira, dia 20/01, a 1ª Lista de Convocação de crianças com idade entre 05 e 11 anos, com comorbidade ou deficiência permanente, para receberem a vacina contra a COVID-19.

A vacinação ocorrerá entre as 8h e as 10h30 da manhã desta sexta-feira, dia 21/01, na Escola Especial Raio de Sol (APAE).

A secretária municipal de Saúde, Gicelly Zanatta, explica que nesta primeira etapa serão vacinadas as crianças atendidas pela APAE e outras 40 crianças cujos nomes estão na lista ao final do texto.

Documentos necessários

Para vacinar as crianças, os pais devem ficar atentos aos documentos necessários:
– Cartão de vacinação da criança;
– Comprovante da comorbidade (pode ser laudo, receituário, pedido médico de vacina);
– Documento de identificação da criança (pode ser a certidão de nascimento ou RG) ;
– CPF ou cartão SUS;
– Documento do adulto comprovando que é responsável legal pela criança.

Xepa

Leia mais:  Executivo endurece medidas de prevenção e proíbe comercialização de bebidas alcoólicas em Tangará da Serra

A Secretaria de Saúde também passará a adotar uma “xepa” para atender o máximo possível de crianças com a vacinação. “Caso haja alguma criança, que não está nesta lista, que tenha alguma comorbidade ou deficiência permanente e que possa ir na APAE das 8h às 10h30, mesmo que não tenha cadastro, que faremos uma xepa para atender essas crianças”, disse.

(Assessoria de Comunicação)

Veja a lista:

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana