conecte-se conosco


Cidades & Geral

Patrimônio público de R$ 2 milhões, Parque da Família sofre com abandono e vandalismo

Publicado

Uma das principais atrações da área urbana de Tangará da Serra precisa urgente de manutenção e cuidados. O Parque da Família (Parque Municipal José Cardoso Campos), localizado no quadrante oeste da cidade, vem sendo alvo de vândalos, com pichações, danos em estruturas e faltas de vigilância e controle do fluxo de visitantes.

O portão principal de entrada do parque teve um dos suportes rebentados e parte do madeiramento foi retirado. No interior, a edificação onde ficam os banheiros e dependência administrativa foi pichado por vândalos com mensagens ofensivas, depreciativas e imorais. Os vidros das janelas da benfeitoria foram todos quebrados.

Um dos portões laterais fica aberto e permite o ingresso de motocicletas. Alguns moradores dos arredores do parque relatam a presença de grupos de usuários de drogas no local, tanto de dia como à noite.

Melhorias previstas

A redação do Enfoque Business entrou em contato com o secretário municipal de Meio Ambiente, Magno César Ribeiro, e enviou algumas imagens das depredações. O titular da pasta de meio ambiente do município reconheceu a necessidade de uma intervenção mais efetiva do poder público no local. “Pretendemos fazer um trabalho de melhoria lá”, disse, em diálogo via WhatsApp com o EB.

Leia mais:  Caldo de cana na Feira do Centro, um brinde à história e à geração de emprego e renda

O Parque

Localizado em uma região que engloba os bairros Tangará II, Califórnia, Valência, Barcelona e Madri, com duas entradas, sendo uma pela Avenida Lions Internacional, o Parque da Família oferece beleza paisagística e é opção de lazer à população local.

O parque foi inaugurado no final de 2020 e representou investimento público de R$ 2 milhões. Dispõe de pista de caminhada, áreas arborizadas com bancos, pergolados, pontilhões em madeira, três lagos naturais, banheiros feminino e masculino, quadras de areia, academia e playground.

A área é toda cercada e previa, quando de sua inauguração, de controle de entrada e saída de visitantes, mas isso se confirmou até a atualidade.

O projeto original prevê iluminação interna para permitir visitantes à noite, além da possibilidade de inclusão de alevinos nos lagos, o que, se acontecer, representará atração extra.

publicidade

Cidades & Geral

Feira do Centro oferece fruto da América para sucos, doces e pratos com peixes e carnes

Publicado

As frutas estão entre os itens mais comercializados na Feira do Produtor do Centro. Nesta época do ano, uma fruta da época se destaca pela qualidade e visual notável: o maracujá.

Oferecido fartamente no setor de hortifrutis do mercado público de Tangará da Serra, o maracujá é alternativa de renda na agricultura familiar a partir de um manejo especializado para manter o bom padrão.

O fruto é natural da América e pode ser encontrado, nativo, em matas desde o Rio Grande do Sul até o norte do Brasil. Também é comum em toda a América Central e na Flórida, já nos Estados Unidos.

Oferecido fartamente no setor de hortifrutis do mercado público de Tangará da Serra, o maracujá é alternativa de renda na agricultura familiar.

Além de saborosa, a fruta rende inúmeros benefícios à saúde humana, sendo importante para fortalecer o sistema imunológico, controlar a glicose no sangue e, também, no combate ao estresse e à ansiedade.

De acordo com o presidente da Associação dos Feirantes (Asfet), Valdeci Ferraz Aquino, o maracujá ofertado na Feira se destaca pela qualidade e preço atrativo. “A qualidade do maracujá oferecido pelos nossos feirantes sempre chama atenção do consumidor e isso ajuda a manter uma grande movimentação na Feira do Centro às quartas e aos domingos”, observa.

Leia mais:  Caldo de cana na Feira do Centro, um brinde à história e à geração de emprego e renda

Maracujá na culinária

O maracujá pode ser consumido ao natural ou na forma de sucos. Mas o fruto incrementa a culinária brasileira como um ingrediente de classe. O maracujá rende sorvetes, musses, bolos, tortas e vários tipos de doces.

Mas também é utilizado com sucesso e requinte em pratos salgados à base de peixes e carnes vermelhas e de frango.

Para ver 48 receitas com maracujá, acesse o seguinte link a seguir clicando nos trechos sublinhados em vermelho: https://www.receiteria.com.br/receitas-com-maracuja/

Atendimento

Neste domingo, mais um a vez a Feira estará de portas abertas a partir das 06h00, até o meio-dia. Além do maracujá e outras frutas, os consumidores terão à sua disposição uma grande variedade de hortaliças, carnes e embutidos, leite natural e seus derivados, produtos coloniais, doces, temperos, além da tradicional praça de alimentação.

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana