conecte-se conosco

Saúde Pública

Município avalia hoje quadro da pandemia e decide sobre comércio e quarentena

Publicado

O Comitê Interinstitucional de Prevenção e Monitoramento ao Coronavírus se reúne nesta segunda-feira (06) para avaliar a situação atual do município em relação à pandemia do coronavírus. A reunião deverá acontecer a partir das 13hs.

Segundo o prefeito Fábio Junqueira, que está à frente do órgão transitório, além da análise dos números da pandemia, haverá deliberações acerca das ações desenvolvidas até o momento e as ações para os próximos dias.

Também serão reavaliadas medidas como como as barreiras sanitárias, o toque de recolher, uso de equipamentos e os insumos necessários à crise, equipe técnica e realização de exames rápidos, bem como a forma de isolamento social (vertical ou horizontal). Outra pauta é a possibilidade de flexibilização de horários do comércio.

As deliberações serão anunciadas pelo chefe do Executivo logo após a reunião.

Atribuição do município

Um dos assuntos em pauta na reunião do comitê está relacionado ao decreto 432/2020, do Governo do Estado, que teve suspensos os efeitos dos artigos 6º e 7º do decreto 432/2020 em decisão do Tribunal de Justiça, através do desembargador Orlando de Almeida Perri, em ação direta de inconstitucionalidade pleiteada pela Procuradoria Geral de Justiça do Estado.

Leia mais:  COVID-19: Primeiro óbito é registrado em Tangará da Serra; Paciente estava internada em UTI de hospital particular

Pelos dois artigos, o governo define as condições restritivas para casos de transmissões local e comunitária dos municípios, a partir das quais são determinadas as medidas de quarentena e isolamento. No entendimento PGE, os dois artigos ferem norma da Constituição Estadual (no caso dos artigos 3º, incisos I e II; artigo 10, artigo 11) e a Constituição Federal, no caso dos artigos 24, XII, § 2º, e artigo 196.

A partir de agora, pela liminar concedida, fica sob responsabilidade do município determinar as medidas de prevenção e monitoramento, conforme o entendimento do poder público local.

publicidade

Saúde Pública

Covid-19: Em uma semana, contaminação decai quase três pontos em Tangará da Serra

Publicado

Informação contida no boletim epidemiológico divulgado na manhã desta quinta-feira (10) pelo Comitê Interinstitucional de Prevenção e Monitoramento ao Coronavírus indica uma semana de queda gradual da taxa de crescimento da contaminação (TCC) da Covid-19 em Tangará da Serra.

De acordo com o boletim (veja, ao final do texto), a TCC desta quinta-feira é de 21,1%, contra uma taxa de 24% no último dia 03, quinta-feira da semana passada. (Gráfico demonstrativo abaixo)

Apesar de estar bem acima da meta de 18% para a TCC em Tangará da Serra, o percentual desta quinta-feira indica uma regressão lenta e gradual no índice de contaminação pelo coronavírus no município.

Neste período de uma semana, a TCC decaiu 2,9 pontos percentuais, o que representa uma queda de 12% neste indicador.

Letalidade

O índice de letalidade (número de óbitos em relação ao número de pacientes infectados) da Covid-19 em Tangará da Serra é de 2,04%.

Este índice, que se mantém estável nestes primeiros dez dias de junho, se situa numa faixa intermediária em Mato Grosso, cujo índice é de 2,65%.

Leia mais:  Tangará da Serra tem quatro novos casos confirmados, com pacientes em isolamento domiciliar

Várzea Grande, na região metropolitana, detém o índice de letalidade mais alto (4,03%) entre os 10 municípios mais afetados pela pandemia no estado. O índice de letalidade mais baixo nestes dez municípios mais afetados é o de Lucas do Rio Verde, com 1,22%.

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana