conecte-se conosco

Saúde Pública

Interior responde por 67% do total de casos confirmados de Covid-19 em Mato Grosso

Publicado

Dos 15.238 casos confirmados de Covid-19 informados ontem pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), 67% (10.246) estão no interior. O levantamento é do Enfoque Business, com base nos dados da SES e dos boletins divulgados ontem (segunda, 29) pelas prefeituras dos 11 principais municípios de Mato Grosso. Ou seja, a pandemia sacramentou sua interiorização no estado neste mês de junho.

A região metropolitana (Cuiabá e Várzea Grande) respondia na segunda-feira por 32,7% (4.992) dos casos. Já os principais municípios do interior – Rondonópolis, Sinop, Tangará da Serra, Cáceres, Barra do Garças, Sorriso, Primavera do Leste, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum – somavam 10.246 casos confirmados até ontem, o que correspondia a 33,57% das infecções.

Os óbitos – que na segunda somavam 590 no estado – ocorreram na maioria em Cuiabá (170) e Várzea Grande (121). Assim, a região metropolitana representa 49% das mortes por Covid-19 em Mato Grosso.

Mato Grosso soma 5.419 recuperados da doença. A maioria absoluta está no interior, que responde por 82,5% (4.470) dos recuperados, contra 17,5% (949) da região metropolitana. (Veja quadro abaixo)

Leia mais:  Covid-19: Após aumento de quase 90% dos casos em dois dias, município apertará fiscalização

Ativos

Os casos ativos da doença em Mato Grosso somam 9.236. Destes, 6.508 (70%) estão nos municípios na faixa entre acima de 150 ativos. A região metropolitana responde por 41% dos casos ativos, o que corresponde a um percentual de 41%.  Os demais municípios que se incluem nesta faixa são Rondonópolis, Sorriso, Primavera do Leste, Lucas do Rio Verde, Pontes e Lacerda, Cáceres, Nova Mutum, Campo Verde e Tangará da Serra

Abaixo, quadro mostra números dos ativos e a taxa de crescimento da contaminação (TCC) por município.

publicidade

Saúde Pública

Covid-19: Tangará da Serra tem 267 casos ativos e média diária de 47 novos registros; Curados correspondem a 76%

Publicado

Os primeiros doze dias deste mês de julho mostram que a pandemia do novo coronavírus segue expandindo sua média diária de casos confirmados em Tangará da Serra e em todo o estado de Mato Grosso.

Na principal cidade da região sudoeste do estado, a média de novos casos diários ficou em 47,4 neste domingo (12), conforme boletim epidemiológico divulgado ao final da manhã. Ou seja, entre os dias 1º e 12 deste mês foram registrados 569 novos casos da doença entre os tangaraenses.

(Veja quadro ao final da matéria com todos os números)

Segundo boletim epidemiológico deste domingo divulgado pelo Comitê Interinstitucional de Prevenção e Monitoramento do Coronavírus, Tangará da Serra soma um total de 1.166 casos registrados desde o início da pandemia.

Recuperados somam 886, o que corresponde a um percentual de 76% de curados. Os casos ativos somam 267 (22,8% do total de casos registrados).

Entre os ativos, 252 pacientes encontram-se em isolamento domiciliar. Outros 15 pacientes estão internados, nove deles em UTI’s (05 públicas e 04 privadas) e seis em enfermarias (03 públicas e 03 privadas). Os óbitos em decorrência da covid-19 somam 13 no município. Há, ainda, 01 internado em enfermaria privada com suspeita de infecção.

Leia mais:  Interiorização: Covid-19 avança cinco vezes mais no mês de junho em Tangará da Serra e em Mato Grosso

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana