conecte-se conosco


Feiras & Eventos

Feira Tecnológica: Parecis SuperAgro deverá movimentar R$ 300 milhões em negócios

Publicado

Um volume de negócios de R$ 300 milhões. Esta é a estimativa de movimentação financeira da Parecis SuperAgro, uma das mais importantes feiras de Mato Grosso, com vitrine de tecnologias que chama atenção dos produtores rurais e de representantes do Brasil e de outros países.

O intervalo foi longo. A última edição da feira aconteceu em 2019. Agora, a feira volta a movimentar o mercado de tecnologias e serviços na região oeste de Mato Grosso.

O retorno atende a uma demanda consolidada entre agricultores e pecuaristas mato-grossenses.

Feira em Campo Novo do Parecis segue até 01 de abril.

Uma pesquisa do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) sobre o perfil do agricultor na era digital, aponta que as feiras agrícolas são o principal canal de informação sobre as novidades tecnológicas para nada menos que 25% dos produtores rurais do estado, uma vitrine de inovações e oportunidades.

Nesta edição, a Parecis Superagro está mais robusta. São aproximadamente 150 estandes com o que há de mais moderno em alta tecnologia para o agronegócio, espalhados em quase dez hectares do parque de exposições do município.

Além das novas tecnologias em máquinas e implementos agrícolas, há uma vasta opção de cultivares e culturas principalmente para segunda safra uma tradição na região.

Visita

Já no primeiro dia de portões abertos ao público, presença internacional. A visita é parte do programa AgroBrazil, desenvolvido pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) com objetivo de apresentar a realidade da produção agropecuária nacional para representantes de delegações estrangeiras.

“Queremos desmistificar a imagem negativa que foi criada nos últimos anos sobre a agricultura brasileira. Estamos mostrando o alto nível de tecnologia de produção, inclusive em energia, além de grãos e informações qualificadas que estes representantes levarão a seus países”, explicou Gedeão Silveira, 2º vice-presidente da CNA.

“O que nos move é a vontade de mostrar o que realmente estamos fazendo em Mato Grosso, não o que dizem que fazemos. Os representantes vêm e veem que estamos fazendo da maneira ambientalmente mais correta que em qualquer país. E ainda temos capacidade de ampliar a produção, garantindo segurança alimentar ao mundo”, enfatizou Normando Corral, presidente da Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato).

publicidade

Feiras & Eventos

Oeste Rural Show: Pontes e Lacerda sediará feira vitrine da lavoura-pecuária

Publicado

O município de Pontes e Lacerda (distante 443 km Cuiabá, 388 km de Tangará da Serra via MT-339) possui o oitavo maior rebanho bovino de Mato Grosso, com 672 mil cabeças de gado. Nos últimos 10 anos, a agricultura também se consolidou e se expandiu na região, passando de 30 mil para aproximadamente 100 mil hectares de área cultivada com soja e milho.

Em meio a este cenário, o sistema de integração lavoura-pecuária também ganhou importante espaço entre os produtores rurais, sendo uma importante estratégia de uso das pastagens degradadas, sendo que muitas delas foram transformadas em campos de lavoura, ou são utilizadas de forma integrada com a pecuária.

“O sistema de integração lavoura-pecuária possibilitou aos produtores rurais de Pontes e Lacerda vislumbrar uma nova realidade para seus negócios. E os resultados se expandem para a cidade, que percebeu o aumento populacional e a chegada de novas empresas direcionadas ao setor”, afirma Michel Leinat, presidente do Sindicato Rural de Pontes e Lacerda.

Oeste Rural Show

Na perspectiva de apresentar as novidades do setor e debater os temas muito característicos que envolvem a produção na região, o Sindicato Rural de Pontes e Lacerda vai realizar entre os dias 25 e 28 de maio, a 2ª edição da Oeste Rural Show.

A feira se estabelece como a vitrine da integração lavoura-pecuária em Mato Grosso, e vai contar com palestrantes nacionais como o analista político e econômico Miguel Daoud e a agro influencer Camila Telles, que vão abordar temas atuais que envolvem questões macropolíticas, macroeconômicas e a nova comunicação.

O evento será realizado no Parque de Exposições de Pontes e Lacerda e também terá a participação de diversos expositores. A estimativa é que os quatro dias de feira movimentem mais de R$ 50 milhões em negócios.

“A Oeste Rural Show é uma oportunidade de aprendizagem, troca de experiências, conhecimento das novidades sobre pesquisas, técnicas, produtos e tecnologias que podem melhorar a produção e produtividade”, pontua Michel Leinat.

(ZF Press)

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana