conecte-se conosco


Cidades & Geral

Equipe da Unemat tira dúvidas de trabalhadores que buscam o Auxílio Emergencial

Publicado

Professores e estudantes do curso de Ciências Contábeis, do campus da Unemat em Nova Mutum, estão prestando assessoria para orientar microempreendedores individuais (MEI), autônomos e trabalhadores informais em relação ao auxílio emergencial de R$ 600, autorizado por meio do Projeto de Lei 13982/2020, do Governo Federal.

Um grupo, constituído por oito professores e seis acadêmicos da Unemat em Nova Mutum, faz atendimento online aos profissionais com dúvidas no preenchimento dos formulários e cadastros, para fim de recebimento do auxílio emergencial. O benefício é destinado a desempregados e trabalhadores informais que estão sem renda durante a quarentena para combater a pandemia do Coronavírus.

A ação de extensão teve início na terça-feira (07.04) e, em apenas um dia, já atendeu 12 pessoas. O coordenador do projeto, docente da Unemat Agilson Poquiviqui, explicou que a iniciativa busca contribuir para que as pessoas não tenham que se deslocar até o banco para sanar dúvidas, evitando aglomerações.

“Muitos trabalhadores informais não têm facilidade no uso de celulares e computadores e, com isso, ficam com dúvidas no preenchimento do formulário eletrônico da Caixa. Nesses casos, acompanhamos o passo-a-passo pelo WhatsApp e vamos orientando”, disse Agilson.

Leia mais:  Crédito de R$ 200 mil para serviços cartorários viabilizará escrituração de área do aeroporto

Entre as principais dúvidas, nesse primeiro dia, a demora no envio do código pelo sistema e o não aparecimento da cidade de origem na tela de confirmação dos dados. “São pequenas dificuldades que, para a pessoa mais idosa que não tem intimidade com plataformas digitais, se tornam um empecilho para a conclusão do cadastro”, explicou.

Além da assessoria para o preenchimento na plataforma digital, a equipe da Unemat também está capacitada para orientar sobre as principais dúvidas do público, entre elas: Quem tem o direito? Quais os requisitos? Como faço para acessar?

Horário de atendimento é o mesmo do expediente bancário, das 9h às 13h00. São quatro números de telefone: (65) 99997-5065, (65) 99916-5078, (65) 98103-7291 e (65) 99622-1144.

(Por: Daniele Tavares – Unemat)

publicidade

Cidades & Geral

Feira do Centro oferece duas atrações típicas do Brasil e valiosas para a saúde e a culinária

Publicado

Domingo, como reza a tradição, é dia de Feira em Tangará da Serra. E dois produtos muito atrativos na Feira do Produtor do Centro são as castanhas de caju e do Pará. As duas são alimentos saudáveis e compõem receitas extraordinárias, como nos links ao final do texto.

A castanha-do-pará é rica em proteínas, fibras, selênio, magnésio, fósforo, zinco e vitaminas do complexo B e vitamina E. Também fornece antioxidantes ao organismo, promovendo a diminuição do colesterol total. Melhora o sistema imunológico e ajuda a prevenir alguns tipos de câncer, como de mama, próstata e cólon.

Contribui para a saúde do cérebro e mantém o cabelo e as unhas saudáveis. Reduz a pressão alta, ajuda a regular a tireoide e é excelente fonte de energia.

Já a castanha-de-caju vem do fruto do cajueiro e é rica em antioxidantes, gorduras boas e minerais. Ajuda a prevenir o desenvolvimento de doenças do coração e anemia, além de melhorar a saúde da pele, unhas e cabelo. Segundo especialistas, consumir cerca de 30 gramas de castanha de caju por dia é uma alternativa para complementar os nutrientes consumidos diariamente.

Leia mais:  Feira do Centro oferece um riquíssimo alimento conhecido pelo homem há 6 mil anos

Castanhas nos boxes

A castanha-do-pará oferecida na Feira do Centro é proveniente da região de Juína e de outras cidades e localidades da região norte do estado. Já a castanha de caju vem, principalmente, da região Nordeste do Brasil.

São comercializadas em vários boxes do setor de hortifruti, em especial nos boxes 16-C, de Elieder Santos; 21-A, de Francisco da Silva; 23-A, de Eliane Resende; e 42-A, de Elton Pereira.

Veja, a seguir, receitas com as duas castanhas:

https://www.receiteria.com.br/receitas-com-castanha-do-para/

https://www.receiteria.com.br/receitas-com-castanha-de-caju/

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana