conecte-se conosco

Eleições 2020

Convenções se encerram hoje para consumar quadro das municipais; Em Tangará, ao menos cinco disputarão majoritária

Publicado

Está chegando ao final a fase das convenções partidárias que definirão as candidaturas às eleições municipais de 15 de novembro, quando os eleitores de Tangará da Serra escolherão os novos prefeito e vice e, também, a nova composição da Câmara Municipal.

A conclusão das convenções ocorre nesta quarta-feira (16), com o encontro do Democratas (DEM) a partir das 18hs, no Colibri Palace Hotel.

A sucessão municipal deverá ter ao menos cinco chapas disputando a prefeitura, com o envolvimento de 14 agremiações partidárias, num pleito que promete muito acirramento e intensa atividade pelas redes sociais.

Ontem, MDB e PP deliberaram por uma chapa majoritária formada, respectivamente, pelo advogado e ex-diretor do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), Wesley Lopes Torres, e o também advogado, cirurgião dentista e especialista em gestão pública Amauri Paulo Cervo, que também foi vereador por dois mandatos e presidente da Câmara Municipal de Tangará da Serra.

A confirmação da aliança entre MDB e PP – que também inclui o Solidariedade – aconteceu ontem à noite, durante convenção na Chácara Iracema, no Rio Preto.

Leia mais:  Eleições 2020: Partidos realizarão convenções a partir de 31 de agosto; Registros de candidaturas até 29 de setembro

O MDB contará com 13 candidatos à vereança e o PP terá outros 10 candidatos.

Outros

Foto: DS

Também já confirmaram suas chapas majoritárias a coalisão PSDB, PTB, PDT, PL, PSL e PV. O empresário Vander Masson, do PSDB, encabeça a chapa, ao lado do também empresário Marcos Scolari.

O PSD, por sua vez, lançou chapa para a sucessão municipal com o produtor rural e ex-secretário de Infraestrutura Francisco Clemente, tendo como vice a empresária Marli Franchini (PSB). Desta aliança também participam o Patriota e, possivelmente, o DEM, que promove hoje a sua convenção.

Foto: DS

A possiblidade de inclusão do DEM na licença liderada pelo PSD poderá, contudo, causar certo constrangimento, já que a sigla exige participação na majoritária, o que poderá excluir o PSB de Marli Franchini da parceria com Clemente. O DEM não descarta, porém, participar do pleito com chapa pura ou, ainda, em outra coligação.

Já o Republicanos terá chapa pura na disputa, através do vereador Claudinho Frare e o Professor Rodrigo. O PSC também disputará o pleito com chapa pura, com Jean Piccoli e Dora Santos. O PT, por sua vez, não disputará a majoritária, mas participará do pleito com nove candidatos à vereança.

Leia mais:  Pandemia ameaça presença de mesários nas eleições municipais de 2020; Tangará e Nova Olímpia demandarão mais de 1.000

publicidade

Eleições 2020

Diplomação dos eleitos em Tangará da Serra e Nova Olímpia será virtual, em 17 de dezembro

Publicado

Os prefeitos e vereadores eleitos e suplentes nas eleições de 15 de novembro em Tangará da Serra e Nova Olímpia serão diplomados em cerimônia virtual. É o que diz o edital 121/2020, da Justiça da 19ª Zona Eleitoral, assinado ontem (07/12) pelo juiz eleitoral Ângelo Judai Junior.

O evento será realizado a partir do Cartório da 19ª ZE, a partir das 17hs, através do aplicativo google meet, pelo link meet.google.com/tur-fttr-zfu.

A medida é motivada pelos cuidados relacionados à pandemia da Covid-19. Na sequência, imagem do edital emitido pelo Cartório da 19ª Zona Eleitoral:

 

Leia mais:  Abstenção recorde e votos brancos/nulos somaram 37%; Índice mostra evasão, desinteresse e pandemia
Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana