TANGARÁ DA SERRA

Cidades & Geral

Sites de meteorologia preveem chuvas e virada no tempo na capital, na serra de Tapirapuã e no Chapadão

Publicado em

Três importantes sites de meteorologia brasileiros indicam boa possibilidade de chuvas entre a noite de hoje e sexta-feira (08) em Tangará da Serra e regiões da Baixada Cuiabana e no Chapadão dos Parecis. Enquanto o Clima Tempo e o Cptec/Inpe indicam possíveis precipitações para hoje à noite e amanhã, o Inmet registra possibilidades a partir de quinta.

Declínios mais significativos nas temperaturas ocorrerão nas madrugadas, com boa possibilidade de ocorrência de nevoeiro.

O Clima Tempo prevê o maior volume para amanhã (quarta, 05), com 25 milímetros de chuva. As temperaturas deverão variar de hoje para a amanhã entre a mínima de 20ºC e a máxima de 33 graus celsius. A umidade relativa do ar, segundo o portal, deverá ficar entre mínima de 38% nesta terça-feira e máxima de 84%, amanhã.

O Cptec/Inpe também prevê ocorrências pluviométricas principalmente para amanhã, com as temperaturas em níveis idênticos aos previstos pelo Clima Tempo.

Já o Inmet prevê possibilidades de chuvas isoladas somente a partir de quinta-feira, com ocorrência de chuvisco no sábado e temperatura mínima, naquele dia, de 15 graus celsius e máxima na quinta, de 27ºC.

Leia mais:  Censo 2022: Após dois anos de adiamento, IBGE inicia pesquisas em Tangará e em todo o Brasil

As chuvas e virada no tempo também estão previstas para a Baixada Cuiabana, Barra do Bugres e Campo Novo do Parecis.

Adiante

Há previsão de chuvas também para a próxima semana. Segundo as previsões, em especial do Clima Tempo e do Cptec/Inpe, os volumes poderão passar dos 40 milímetros, somadas as pancadas entre a segunda-feira (11) e a quinta-feira (14). Apesar do declínio das temperaturas previsto principalmente nas madrugadas, não há previsão de variações bruscas no período.

Ocorrência

As frentes frias com mudanças sensíveis nas temperaturas são comuns nesta época do ano nas regiões Centro-Oeste e Norte do país. Quedas de temperatura serão mais intensas no sul da região Norte e norte de Mato Grosso, caracterizando o tradicional fenômeno da friagem.

Comentários Facebook
Advertisement

Cidades & Geral

Mulheres líderes do agro realizam visita técnica à Brasília em visita à CNA, Senar e IPA

Published

on

Lideranças femininas do setor agropecuário de Mato Grosso embarcaram nesta quarta-feira (10.08) para uma visita técnica em Brasília. Ao longo dos próximos dias, um grupo com 40 mulheres visitará a Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária (CNA), a sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), o Instituto Pensar Agro (IPA), entre outras instituições na capital federal.

As atividades fazem parte da programação da Academia de Liderança – Mulheres Líderes do Agro, a primeira organizada pelo Senar-MT exclusivamente ao público feminino. Ao todo, serão três encontros, de julho a setembro. Nesta segunda etapa, que ocorre em Brasília, as mulheres conhecerão mais sobre a atuação das instituições visitadas, seus representantes e a estrutura dos poderes executivo, legislativo e judiciário.

A Academia de Liderança reúne produtoras rurais, lideranças sindicais e mulheres que trabalham no setor agropecuário. O objetivo é formar líderes que possam atuar nas mais diversas esferas que envolvem a agropecuária no estado e impulsionar ainda mais o seu desenvolvimento.

No primeiro módulo, que ocorreu em Cuiabá, as participantes aprenderam mais sobre atuação política no agro e autoconhecimento e propósito. Além disso, tiveram a oportunidade de conhecer as áreas de atuação de cada uma das instituições do Sistema Famato: o Senar-MT, Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Instituto Agrihub, a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) e os Sindicatos Rurais.

Leia mais:  Censo 2022: Após dois anos de adiamento, IBGE inicia pesquisas em Tangará e em todo o Brasil

Essa é a primeira visita técnica da Academia de Liderança, após o início da pandemia de Covid-19. “Esse momento foi muito aguardado, a pandemia adiou o nosso projeto, mas finalmente conseguimos realizá-lo e estamos muito felizes em poder reunir e fortalecer as mulheres do nosso setor”, afirmou o superintendente do Senar-MT, Francisco Olavo Pugliesi de Castro, mais conhecido como Chico da Pauliceia.

Comentários Facebook
Continue Reading

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana