conecte-se conosco

Infraestrutura & Logística

Por segurança e acessibilidade, empresários pedem intervenções em avenida

Publicado

Correções em rotatórias e implantação de travessia para pedestres e ciclistas na Avenida Lions Internacional, em Tangará da Serra. Esta foi a pauta de reunião entre empresários e o Executivo Municipal na manhã desta terça-feira (27/08).

O encontro foi organizado pelo empresário Alfredo Nuernberg, que cedeu o auditório da sua empresa – Tratortecmaq – para o encontro. Participaram representantes da empresa anfitriã e também do Grupo Piva, Granja Ziani, Frigorífico JBS, Fort Construções, Freicar e Supremax. Pelo poder público estiveram presentes o prefeito Fábio Martins Junqueira (MDB), o secretário municipal de Infraestrutura, José Bernadino, e o diretor do SAMAE, Wesley Lopes Torres, além do vereador Carlinho da Esmeralda (PSC).

Reunião foi realizada na manhã desta terça-feira, no auditório da Tratortecmaq.

Durante a reunião, o engenheiro civil designado pelo grupo de empresários, Marcelo Albuquerque Bastos, da MAB Engenharia e Projetos, realizou explanação sobre a atual realidade e as correções propostas para as rotatórias da Lions Internacional junto à entrada da via lateral de acesso aos frigoríficos JBS e Marfrig (proximidades córrego Queima Pé) e na saída para a Serra dos Parecis, na retomada da MT-358.

Leia mais:  Porto de Cáceres passará por recuperação estrutural para voltar a operar em seis meses e reativar a HPP

Nestas duas rotatórias, segundo os empresários, há erros que precisam de correções urgentes em razão de manobras irregulares e, consequentemente, os grandes riscos de acidentes graves.

De acordo com Marcelo Bastos, no caso da entrada da via lateral de acesso aos frigoríficos, nas proximidades do Queima Pé, simples trabalhos de sinalização podem resolver os problemas. Por outro lado, no ponto de conversão da avenida com a MT-358 há necessidade de intervenção física, com alongamento da rotatória e adequação das alças de acesso a duas vias laterais existentes.

Rotatória junto à via de acesso aos frigoríficos: Erros de planejamento e riscos de acidentes.

Já no ponto da avenida em frente aos frigoríficos, há necessidade de implantação de redutores de velocidade e faixa de pedestres, além de escada e rampa de acesso para pedestres e ciclistas para a via lateral.

Atribuição

O prefeito Fábio Martins Junqueira destacou que o município se dispõe a avaliar as intervenções junto à Sinfra, mas advertiu sobre a responsabilidade do governo estadual, já que a Lions Internacional é uma atribuição do estado. O gestor também considerou as limitações de recursos do município ante às demandas priorizadas em outros bairros da cidade, que ainda contam com ruas não asfaltadas. “Não temos autorização para intervir em obras de responsabilidade do estado e, também, temos demandas em bairros e limitações orçamentárias”, disse.

Leia mais:  Governo confirma licitação da MT-240 e restauração da MT-358, mas segue com indefinição sobre a MT-339

Independente de análise pelo município, Junqueira sugeriu aos empresários uma comissão para apresentar as intervenções pretendidas diretamente junto à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SINFRA-MT).

Em projeção, a rotatória junto à conversão da Lions Internacional com MT-358, saída para a Serra dos Parecis: Veículos de carga na contra mão oferecem graves riscos.

publicidade

Infraestrutura & Logística

Com obras em andamento, ZPE já atrai atenção de empresas de outros estados

Publicado

Depois de vistoriar as obras da MT-343, Marcelo de Oliveira e comitiva acompanharam o andamento das obras da ZPE, uma estrutura projetada há mais de 30 anos e que agora começa a tomar forma, com reestruturação e readequação do projeto inicial.

Vistoria na ZPE: Atenção despertada em empresas de outros estados. (Foto Assessoria)

A expectativa é de que a conclusão das obras possibilite a ampliação da competitividade para as exportações de Mato Grosso, já que vai permitir a instalação de empresas voltadas à produção de bens a serem comercializados no exterior, que terão acesso a tratamento tributário, cambial e administrativo específico.

De acordo com o titular da Sinfra-MT, a ZPE tem despertado interesse de várias empresas de outros estados. “Empresas do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas estiveram aqui olhando e viram que a ZPE é uma realidade. Estamos com várias frentes de serviço e a empresa está mobilizada com todas as atividades, produzindo para a entrega ainda este ano”, disse Marcelo de Oliveira.

Presente na vistoria, o deputado Dr. Gimenez destacou a importância das obras da ZPE para o fortalecimento regional e da economia de todo o Mato Grosso. “Felizmente, a ZPE é uma realidade. Tenho certeza de que a região terá um impulso econômico muito grande. Serão 22 municípios beneficiados”, disse o parlamentar.

Leia mais:  MT-339: Mendes sinaliza com retomada de obras em 2020 no formato PPP Social

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana