conecte-se conosco

Agronegócio & Produção

Pulverização: Manutenção correta das pontas e equipamentos reduz custos e garante eficiência

Publicado

Se a escolha das pontas é fundamental para uma boa performance na lavoura, a correta manutenção dos equipamentos é essencial para a eficiência e redução de custos nas aplicações. A orientação é da TratorTecMaq, empresa distribuidora exclusiva Teejet para Tangará da Serra e região.

“A manutenção preventiva anda junto com a boa escolha das pontas, com a eficiência e com a economicidade na atividade agrícola”, observa o diretor proprietário da TratorTecMaq, Alfredo Acácio Nuernberg. Ele explica a opção pela Teejet: “Precisão, eficiência, maior cobertura, menor coeficiente de variação, durabilidade. E é importante destacar que temos uma vantagem extra: o preço, que é o mais competitivo da região”, afirma.

Lavagem e limpeza geral dos tanques, dos filtros de sucção e o uso de filtros nas pontas são procedimentos indispensáveis.

Para o consultor de vendas da empresa, Fábio Junior, a manutenção envolve várias etapas que precisam ser cumpridas à risca. A lavagem e limpeza geral dos tanques, dos filtros de sucção e o uso de filtros nas pontas são procedimentos indispensáveis, assim como a escolha de um bom descontaminante, produto que inclui o portfólio da Tratortecmaq na área de pulverização. “Os filtros de linha, por exemplo, devem ser lavados de três a quatro vezes por dia. Tudo interfere no rendimento e eficiência da aplicação”, diz o consultor.

Leia mais:  Primeira exportação de DDGS e investimento de gigantes em plantas de etanol são destaques no Momento Agrícola

Fábio acrescenta que uma aplicação ineficiente resulta em significativas perdas financeiras e de produtividade. Ele destaca que uma manutenção mal feita pode resultar em desperdício a partir de 20% da calda que está no tanque do pulverizador. Quanto menor a eficiência na aplicação, menor o intervalo entre elas, e isto representa aumento de custos e redução de produtividade”, explica.

A TratorTecMaq oferece a tecnologia das pontas, malhas e filtros Teejet, assim como descontaminantes, em condições especiais e com atendimento personalizado ao cliente. Maiores informações pelos telefones 3325-0205, 99987-4408, 99987-4445 e 99903-2560, ou diretamente na loja, Avenida Lions Internacional nº 1.907, Vila Esmeralda, em Tangará da Serra.

No vídeo a seguir, o bom funcionamento de um pulverizador com boa manutenção das pontas:

 

publicidade

Agronegócio & Produção

SENAR-MT: Curso de agente sanitário de saúde animal capacita profissional para atuar na vacinação

Publicado

Mato Grosso é o estado que tem o maior rebanho bovino de corte no país. São cerca de 29,7 milhões de cabeças segundo o último levantamento feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2017.

A pecuária, em suas várias esferas de criação – que compreende também os ovinos, suínos, caprinos, asininos, equinos e os muares -, necessita de mão de obra qualificada para fazer o manejo e cuidar da saúde do rebanho.

Para atender essa necessidade, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), em parceria com os Sindicatos Rurais, oferta o curso de agente sanitário em saúde animal. O objetivo é ensinar os participantes a conhecerem as principais doenças que acometem o rebanho pecuário.

Além de capacitar mão de obra para garantir a saúde animal, o curso também tem o objetivo de instruir sobre os procedimentos e as legislações referentes aos Serviço de Defesa Sanitária Animal. Uma das funções exercidas pelo agente sanitário em saúde animal é a vacinação do rebanho contra doenças como febre aftosa e brucelose.

Leia mais:  TratorTecMaq e Bosch: Parceria tangaraense com uma tradição de 123 anos

Inscrições e contatos

O treinamento tem carga horária de 40 horas e é oferecido de forma gratuita. Os interessados em se capacitar para atuar neste setor devem procurar o Sindicato Rural de seu município para saber se há turmas previstas e se há vagas.

Em Tangará da Serra, o Sindicato Rural tem sede junto ao Parque de Exposições, na Avenida Lions Internacional (telefone 65 3325-0142). Outros Sindicatos Rurais da região também podem receber inscrições: Arenápolis (65 3343-2217), Barra do Bugres (65 3361-1247), Campo Novo do Parecis (telefone 65 3382-2491), Diamantino (65 3336-1639), Sapezal (65 3383-2557).

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana