TANGARÁ DA SERRA

Saúde Pública

Nascidos até 1981 serão vacinados contra COVID-19 nesta terça e quarta no Centro Cultural

Publicado em

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) divulgou o cronograma para vacinação contra COVID-19 da população acima de 40 anos. Apenas as pessoas nascidas até 1981 e que não fizeram o cadastro ou não aparecem na 9ª Lista de Convocação, divulgada na semana passada. Essas pessoas devem ir ao Centro Cultural na data e horário agendados, de acordo com a tabela da imagem.

Importante frisar que nesta terça-feira, dia 20/07, entre as 13h e as 18h, e na quarta-feira, 21/07, entre as 7h e as 12h, serão imunizadas as pessoas nascidas até 1981, ou seja, as que possuem 40 anos completos, e que não aparecem na 9ª Lista de Convocação.

É importante observar o horário da vacinação, que será por mês de nascimento.

Os nascidos em janeiro e fevereiro devem ir às 13h do dia 20/07 ou às 7h do dia 21/07, os nascidos em março e abril devem ir às 14h de 20/07 ou às 8h de 21/07, os nascidos em maio e junho devem ir às 15 de 20/07 ou às 9h de 21/07, os nascidos em julho e agosto devem ir às 16h de 20/07 ou às 10h de 21/07, os nascidos em setembro e outro devem ir às 17h de 20/07 ou às 11h de 21/07, já os nascidos em novembro e dezembro devem ir às 18h de 20/07 ou às 12h de 21/07.

Em breve, a Secretaria de Saúde divulgará cronograma para imunização de novas faixas etárias. Fique atento para ver idade, local, data e horário para receber a vacina.

DOCUMENTOS EXIGIDOS:

Documento de identidade e CPF;

Comprovante de endereço: conta de água, luz, telefone, internet, boletos (junho de 2021), título de eleitor de Tangará ou cadastro emitido pelo PSF próximo da sua casa;

Se a conta for em nome do cônjuge, é necessário apresentação da certidão de casamento;

O não comparecimento no dia e horário agendado, a pessoa deve aguardar repescagem.

(Assessoria de Comunicação)

Comentários Facebook
Advertisement

Saúde Pública

Campanha da vacinação contra pólio começa dia 15; Rotary defende ampliação da cobertura

Published

on

Começa no próximo dia 15 (segunda-feira) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite no estado de Mato Grosso. A campanha, que estava prevista para começar no início dessa semana, foi adiada em razão do atraso na remessa das vacinas pelo Ministério da Saúde.

As doses da vacina são custeadas através de parceria de alcance mundial, em ação conjunta liderada pelo Rotary Internacional, através da Iniciativa Global de Erradicação da Pólio. Segundo o governador assistente da região 6 do Distrito 4440 do Rotary, Alfredo Acácio Nuernberg, a cobertura vacinal contra a poliomielite ainda está baixa em Mato Grosso. “Podemos ampliar esta cobertura e vamos levar esta campanha ao conhecimento do público através da Imprensa, das redes sociais e do trabalho dos nossos companheiros de Rotary, divulgando amplamente os dias de campanha de vacinação”, disse o membro rotariano.

Estimativa

De acordo com a secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), a estimativa é imunizar 227.559 crianças menores de cinco anos. Até o momento, chegaram 170 mil doses da vacina na Rede de Frio do Estado. Como houve o atraso na remessa, as equipes da Vigilância e Atenção à Saúde da SES não tiveram tempo hábil para organizar a logística e distribuir as doses aos municípios até ontem (segunda, 08). Porém, os trabalhos de recebimento das doses, de conferência da quantidade, na catalogação dos imunizantes e no encaixotamento estão em finalização e a distribuição das doses aos municípios está em vias de iniciar, criando condições para o início da campanha na próxima segunda-feira.

Multivacinação

Paralelamente à vacinação contra a poliomielite, o estado promoverá, a partir do dia 15, a campanha de multivacinação para atualização da caderneta da criança e do adolescente menor de 15 anos. Ao todo, serão aplicadas 700 mil doses de vacinas que integram o Calendário Nacional de Vacinação.

Também haverá vacinação, no mesmo período, contra a Covid-19. O Dia “D” de mobilização nacional das duas campanhas está previsto para ocorrer em 20 de agosto, mas os municípios terão autonomia para definir as datas de mobilização para a vacinação de acordo com a realidade local.

Comentários Facebook
Continue Reading

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana