conecte-se conosco


Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Pneu de soja, corte de impostos e ‘Famato Embrapa Show’ são destaques

Publicado

O uso do óleo de soja na fabricação de pneus, as inovações da Embrapa e outros assuntos de interesse do Agro compõem o conteúdo do Momento Agrícola deste sábado (14.05).

De autoria do produtor rural, agrônomo e consultor Ricardo Arioli, o programa é veiculado aos sábados pela rede de rádios do Agro e repercutido em forma de notícias e com o link do Soundcloud pelo Enfoque Business, também aos finais de semana.

Pneu de soja

O primeiro destaque do Momento Agrícola deste sábado, no bloco inicial do programa, é o lançamento no mercado brasileiro, pela Goodyear, do primeiro pneu que leva óleo de soja em sua composição. Trata-se do novo Wrangler Workhorse, fabricado em Americana (SP) e voltado para picapes e SUVs.

Segundo a Goodyear, o óleo de soja substitui os derivados de petróleo na produção do pneu que, além de ser mais sustentável também tem desempenho superior ao seu antecessor, o Wrangler Armortrac. A indústria afirma que o pneu com soja é mais durável, oferecendo melhor dirigibilidade em piso molhado e mais tração em todos os tipos de terreno. Outra vantagem, segundo a Goodyear, é que o óleo de soja assegura melhor desempenho em diferentes temperaturas, com maior aderência na pista.

Outras

O Momento Agrícola também destaca as inovações da Embrapa, a organização do ‘Famato Embrapa Show’, as tecnologias desenvolvidas para o Agro, notícias sobre fertilizantes (potássio) que poderão vir da Jordânia, os cortes em impostos de produtos importados, entre outros assuntos.

Para concluir a edição deste sábado, o Momento Agrícola traz entrevistas com os temas “Até o Berro do Boi”, com Sérgio Pflanzer, da Unicamp, e “Defensores do Agro”, com o aluno Vittorio Vieira.

Para ouvir o Momento Agrícola na íntegra, clique abaixo:

publicidade

Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Biocombustíveis e conjuntura do etanol, Selic e entrevistas são destaques

Publicado

A falta de uma política que estabeleça os biocombustíveis como realidade no mercado nacional, o mercado do etanol, a alta da taxa básica de juros e as entrevistas são as atrações do Momento Agrícola deste primeiro sábado do mês de maio.

De autoria do produtor rural, agrônomo e consultor Ricardo Arioli, o programa é veiculado aos sábados pela rede de rádios do Agro e repercutido em forma de notícias e com o link do Soundcloud pelo Enfoque Business, também aos finais de semana.

O ‘drama’ dos biocombustíveis

A pauta de abertura do Momento Agrícola foram os biocombustíveis. Ricardo Arioli observa que os biocombustíveis viram prioridade ou deixam de ser prioridade nos países produtores conforme o cenário internacional. Ou seja, em épocas de conferências do clima e petróleo com preços altos, os biocombustíveis passam a ser prioridade, mas deixam de ser em casos de inflação alta ou tempos de guerra.

No caso do Brasil, os biocombustíveis não contam com uma política condizente para se estabelecer de vez como realidade no mercado nacional. Apesar do Renovabio, o governo diminuiu a obrigatoriedade de adição do biocombustível no diesel de 14% parra 10%. “Esqueceu (o governo) a geração de empregos, a industrialização agregadora de valores às nossas commodities, a diminuição drástica da emissão de gases de efeito estufa, os ganhos diretos e indiretos nas arrecadações dos estados e a possível queda dos custos de produção, principalmente das carnes”, observa Arioli, que aborda o tema com muita propriedade em boa parte do primeiro bloco do Momento Agrícola.

Outras

Ainda no contexto dos biocombustíveis, o Momento Agrícola também aborda a atual conjuntura do etanol no Brasil.

No segundo bloco da edição deste sábado, o Momento Agrícola também comenta a questão do aumento da taxa básica de juros (Selic), que subiu de 11,75% para 12,75%. Selic mais alta, juros de empréstimos e financiamentos mais altos, o que deverá influenciar na equalização dos juros dos financiamentos oficiais do Plano Safra, que será anunciado em julho. O ministro da Agricultura, Marcos Montes, garante que o governo está trabalhando para que estes juros se mantenham com um dígito só.

O Momento Agrícola também traz os blocos de entrevistas. No bloco 3, o assunto é “Acricorte, o Fórum da Pecuária de Mato Grosso”, com Chico Manzi, da Acrimat. Já no quarto bloco, a pauta é “O Calcário é o Adubo do Brasil”, com Luiz Gonzaga de Barros, da Plante Certo.

Para ouvir o Momento Agrícola na íntegra, clique abaixo:

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana