conecte-se conosco


Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Padrões da soja, transgênicos, cigarrinha do milho e entrevistas são os destaques

Publicado

A terceira edição de julho de 2021 do Momento Agrícola traz uma série de abordagens relevantes sobre o Agro. Mudanças nos padrões da soja, desinformação sobre transgênicos, os prejuízos causados pela cigarrinha do milho e entrevistas são os principais destaques.

De autoria do produtor rural, agrônomo e consultor Ricardo Arioli, o programa é veiculado aos sábados pela Rede de Rádios do Agro e repercutido em forma de notícias e com o link do Soundcloud pelo Enfoque Business (ao final do texto), também aos finais de semana.

China e os padrões da soja

A China é o maior parceiro comercial do Brasil e, no mundo, tem o poder de balizar regras do comércio exterior, dado o poderio do seu mercado consumidor. Afinal, os chineses somam mais de 1,4 bilhão de pessoas, é o país que mais exporta no mundo e, também, o que tem maior apetite nas importações, em especial de alimentos.

Soja: Reduzir a umidade traria reflexos nos custos de secagem, armazenagem e transporte e, também, na comercialização.

Pois, agora, a China quer alterar os padrões da soja comercializada no mundo, ou pelo menos a soja que adquire. O governo do gigante asiático já notificou a Organização Mundial do Comércio (OMC) sobre sua proposta de reduzir alguns padrões da soja, a começar pelo teor de umidade, que pela proposta seria reduzido dos atuais 14% para 13%.

Leia mais:  Soja: Agrodinâmica já recebe inscrições para 11ª Jornada Técnica

Parece pouco? Nem tanto!

Reduzir a umidade traria alguns reflexos, a começar pelos custos de secagem, de armazenagem e transporte e, também, na comercialização.

Há, também, outro detalhe: A China notificou a OMC em fevereiro e a nova proposta surge quando o Brasil revisa o seu próprio padrão de soja.

Ricardo Arioli discorre com propriedade sobre esse assunto logo no início do primeiro bloco do Momento Agrícola deste sábado.

Outros

O Momento Agrícola traz à baila outros assuntos relevantes no ambiente do Agro no Brasil. Ainda no primeiro bloco, Ricardo Arioli discorre sobre a cigarrinha do milho, que penalizou os produtores com grandes prejuízos nesta safra.

Enfezamento, doença provocada pela cigarrinha, pode representar prejuízos de até 90% nas lavouras.

O enfezamento, doença provocada pela cigarrinha, pode representar prejuízos de até 90% nas lavouras. Esse risco aponta para qual caminho? A resposta é óbvia: Pesquisa para variedades de milho mais resistentes à praga.

No rastro desta necessidade de pesquisa por novas tecnologias de produção de alimentos, Ricardo Arioli fala sobre a desinformação proporcionada por ambientalistas sobre os organismos geneticamente modificados.

Leia mais:  Greenpeace desvirtua informações em escola e promove direcionamento ideológico contra o Agro brasileiro

O autor do Momento Agrícola cita a magistral participação do bioquímico e escritor José Miguel Mullet num webinar na Europa, semana passada. Mullet afirmou em alto e bom tom que “fazer oposição a transgênicos é luxo de uma sociedade que não passa fome”, e que “políticos e ambientalistas que desinformam sobre a tecnologia agroambiental não dizem que as muitas vacinas e medicamentos são transgênicos”. Vale a pena ouvir esta passagem do programa.

Entrevistas

O Momento Agrícola traz, a partir do segundo bloco, as tradicionais entrevistas. A primeira delas é com Chico Manzi, da Acrimat, abordando ‘O Dia do Pecuarista’. No terceiro bloco, o tema é ‘Os Desafios da Pecuária’, com Normando Corral, da FAMATO.

Fechando o programa, Donizete Tokarski, da Ubrabio, conversa com Ricardo Arioli sob o tema ‘O Biodiesel é Estratégico’.

Para ouvir o Momento Agrícola na íntegra, clique abaixo:

 

publicidade

Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Reflexão, perdas com chuva e seca, projeções e entrevistas são destaques

Publicado

Os recorrentes problemas com o escoamento da safra de soja no período chuvoso em Mato Grosso, as perdas em lavouras por causas climáticas, as projeções de boas colheitas e entrevistas são os destaques do Momento Agrícola deste sábado (15).

De autoria do produtor rural, agrônomo e consultor Ricardo Arioli, o programa é veiculado aos sábados pela rede de rádios do Agro e repercutido em forma de notícias e com o link do Soundcloud pelo Enfoque Business, também aos finais de semana.

Reflexão

Os problemas na colheita da soja em Mato Grosso renderam uma reflexão pelo Momento Agrícola. As situações negativas ocorrem em duas frentes: na colheita e no transporte da safra.

Dificuldades no transporte da safra durante período chuvoso é tema de reflexão.

O excesso de chuvas é o pivô destes problemas. Em primeiro lugar, as precipitações impedem que as máquinas adentrem nas lavouras para colher. Em segundo lugar, as chuvas danificam as estradas, dificultando o escoamento da produção.

Neste contexto, Ricardo Arioli faz um duro questionamento sobre a aplicação do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), cujos recursos são destinados, em parte, para manutenção das estradas.

Leia mais:  Momento Agrícola aborda MP do Agro, etanol na China, gás e ureia da Bolívia e outras notícias

Ainda quanto ao Fethab, Ricardo Arioli comenta sobre a atuação das entidades representativas do produtor rural em questões como esta. Vale a pena ouvir a abordagem, logo no início do primeiro bloco.

Perdas

Se em Mato Grosso os problemas são as chuvas em excesso, no Sul do Brasil a situação é inversa, com a estiagem causando perdas significativas nas áreas produtoras.

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, já determinou uma força tarefa para avaliar todas as situações e disponibilizar mecanismos, como o seguro agrícola e outras opções.

Este é outro tema abordado no Momento Agrícola, ainda no primeiro bloco.

Outras

O Momento Agrícola comenta outras notícias relevantes no ambiente do Agro. Um deles é que, apesar dos problemas climáticos, as previsões da CONAB e do USDA são de colheitas no Brasil bem acima do esperado pelo mercado.

Outro assunto abordado refere-se aos preços da arroba bovina negociados em São Paulo, que estão se mantendo acima dos R$ 330 desde o início do ano, motivados pela retomada das importações da China.

Leia mais:  Momento Agrícola: ‘Arroba e Prosa’, tecnologia da Embrapa, rebanho e entrevistas são destaques

Outras atrações do Momento Agrícola são as entrevistas. No segundo bloco, Arioli conversa com Odilon Lemos, da Embrapa, sobre “Oportunidades em Soja Não Transgênica”. No terceiro e no quarto blocos, respectivamente, os assuntos abordados são “Oportunidades em Feijões e Pulses”, com Marcelo Lüders, do IBRAFE; e “Quebramento e Apodrecimento de Vagens na Soja do MT”, com Leandro Zancanaro,

Para ouvir o Momento Agrícola na íntegra, clique abaixo:

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana