conecte-se conosco


Agronegócio & Produção

Momento Agrícola: Nova exportação de DDGs do MT, etanol, MP do Agro e risco de impacto de R$ 12 bi são destaques

Publicado

A edição deste final de semana do Momento Agrícola traz, como sempre, novidades e importantes informações sobre setor produtivo. O programa, veiculado pela cadeia rádios do Agro, é produzido e apresentado pelo engenheiro agrônomo, produtor rural e consultor Ricardo Arioli.

DDGs de Mato Grosso

Ricardo Arioli produz e apresenta o Momento Agrícola

O Porto de Paranaguá concluiu na última terça-feira (18) o segundo carregamento para exportação de DDGs, derivado do processamento do milho para a fabricação de etanol. O primeiro embarque aconteceu em dezembro último, no mesmo porto.

O navio M.Emir Aksoy é o transportador do produto produzido em Sinop, no Mato Grosso, pela Inpasa Agroindustrial S.A. A empresa chega a processar 3,6 mil toneladas de milho por dia, produzindo 1,5 milhão de litros de etanol e mil toneladas de DDGs diariamente.

Etanol

Enquanto isso, nos Estados Unidos, a meta de inserção no mercado de biocombustível para transportes foi fixada em 30% até 2050. Atualmente, o biocombustível participa de 10% do mercado americano, com meta para 2030 estabelecida em 20%. A nova meta irá triplicar a produção de milho nos EUA.

Leia mais:  Em Tangará: Senar-MT promove Dias de Campo sobre leite, frutas, hortaliças e flores

Ainda sobre etanol, Ricardo Arioli destaca a que o governo federal irá insistir na mudança da tributação de ICMS. O presidente Jair Bolsonaro quer reduzir a carga do tributo sobre esse combustível. Outra insistência do governo será em relação à venda direta do etanol das usinas para os postos, eliminando as distribuidoras (atravessadoras) e, assim, reduzindo o preço ao consumidor.

MP do Agro

O Momento Agrícola também destaca a MP do Agro, aprovada dia 18 na Câmara Federal e que agora será votada pelo Senado. A MP poderá ampliar a oferta de crédito para atividade agropecuária em até R$ 5 bilhões, a juros mais baixos.

Ainda sobre crédito rural, Arioli destaca a disponibilização pelo Banco do Brasil de R$ 15 bilhões para custeio da safra 2020/2021. Os contratos serão assinados com juros a partir de 6% ao ano. “Ainda é um juro alto, se formos considerar os atuais 4,25% da Selic, mas ainda assim poderá haver vantagens em negócios à vista”, destaca o apresentador. Estes juros, ainda segundo Arioli, poderão baixar, mas somente quando do anúncio do Plano Safra, em julho.

Leia mais:  Em Tangará: Senar-MT promove Dias de Campo sobre leite, frutas, hortaliças e flores

Impacto

O Momento Agrícola também abordou o impacto financeiro que será gerado principalmente sobre pequenos produtores caso o STF acate a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADIN) proposta pelo PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) contra a isenção sobre defensivos agrícolas. Se a ação for deferida pelo STF, os produtores rurais – em sua maioria familiares/pequenos –  terão de suportar um impacto de R$ 12 bilhões sobre a produção, o que inviabilizaria várias culturas brasileiras.

Outras

O Momento Agrícola também traz informações sobre o Show Safra 2020, o novo Centro de Pesquisas em Biológicas da Esalq/USP, as inovações da Embrapa e a Famato Embrapa Show 2020.

Para ouvir o Momento Agrícola  na íntegra clique abixo:

publicidade

Agronegócio & Produção

Em Tangará: Senar-MT promove Dias de Campo sobre leite, frutas, hortaliças e flores

Publicado

A Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), em parceira com o Sindicato Rural, realizará a partir desta sexta-feira (01.07), quatro Dias de Campo em Tangará da Serra.

Ao todo serão realizados 100 dias de campo em todo o estado. Os encontros iniciaram e junho e seguem até o dia 14 de julho, com o objetivo de divulgar os resultados já obtidos nas propriedades e reunir os produtores rurais atendidos. Por dia, até nove eventos serão realizados de forma simultânea pelo estado abrangendo as mais diversas cadeias produtivas atendidas pela ATeG em Mato Grosso. Dentre elas estão pecuária de leite, pecuária de corte, olericultura, piscicultura, fruticultura, floricultura, ovinocultura, apicultura etc.

Em Tangará da Serra, de acordo com o Supervisor da ATeG Senar, Thiago Salapata, os Dias de Campo iniciam nesta sexta-feira, dia 1º de julho, com “Bovinocultura de leite” e segue no sábado, 2, com ‘Floricultura’. Na segunda e terça-feira, dias 4 e 5, serão realizados os outros dois eventos, tratando sobre ‘Olericultura’ e ‘Fruticultura’.

Leia mais:  Em Tangará: Senar-MT promove Dias de Campo sobre leite, frutas, hortaliças e flores

“Tangará da Serra contém essas quatro cadeias já sendo assistidas pela Assistência Técnica e será presenteada com esses Dias de Campo”, afirma,

ao destacar que em todos os dias, além de temas específicos relacionados a cadeia, falarão também sobre primeiros socorros na zona rural.

“Em todos os Dias de Campo temos uma estação específica, que são os primeiros socorros, que a gente viu a necessidade no campo, pois muitas vezes os cuidados iniciais que possam ser feitos, aumentam as chances de a pessoa chegar com vida até o socorro médico ou evita um agravamento maior por causa de algum acidente com animais peçonhentos, algum envenenamento na propriedade que possa ocorrer, por exemplo”.

As atividades serão realizadas em propriedades rurais atendidas pela Assistência Técnica e Gerencial. A participação é aberta ao público e destinado a todos os produtores rurais – mesmo que não sejam atendidos pela ATeG – profissionais da área, parceiros e estudantes. Os interessados devem procurar o Sindicato Rural.

  • Data: 01/07 (sexta-feira):
Leia mais:  Em Tangará: Senar-MT promove Dias de Campo sobre leite, frutas, hortaliças e flores

DIA DE CAMPO “BOVINOCULTURA DE LEITE”

Horário: das 7h30 às 11h30

Local: Sítio São Gabriel/ Gleba São Paulo

 

  • Data: 02/07 (sábado)

DIA DE CAMPO FLORICULTURA

Horário: das 7h30 às 11h30

Local: Chácara Imperial/ Comunidade São José

 

  • Data: 04/07 (segunda-feira)

DIA DE CAMPO OLERICULTURA

Horário: das 7h30 às 11h30

Local: Chácara Santo Expedito/ Comunidade São José

 

  • Data: 05/07 (terça-feira)

DIA DE CAMPO FRUTICULTURA

Horário: das 7h30 às 11h30

Local: Sítio Dois Irmãos/ Comunidade Córrego das Pedras

 

(Fonte: Sindicato Rural de Tangará da Serra e Diário da Serra)

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana