conecte-se conosco


Cidades & Geral

Indea capacita veterinários de Tangará da Serra e outros 16 municípios para inspeção sanitária

Publicado

Médicos veterinários de 17 municípios do Estado estão passando por um treinamento técnico-administrativo online ministrado pela Coordenadoria de Inspeção Sanitária de Produtos de Origem Animal (Cispoa), do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT). A capacitação começou no dia 11 de junho e vai até o dia 18, próxima sexta-feira.

O curso direcionado aos veterinários responsáveis pelo Serviços de Inspeção Sanitária Municipal (SIM) tem como objetivo nivelar os procedimentos na área de inspeção sanitária de produtos de origem animal, auxiliando no processo de adesão do SIM ao Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar e de Pequeno Porte (Susaf/MT).

Inspeção sanitária favorece comercialização de produtos de origem animal.

Com a inspeção, fica permitida a comercialização, em todo o estado, de produtos de origem animal produzidos na agricultura familiar e pequenos empreendedores, fomentando o setor.

Nesta etapa estão se qualificando profissionais dos municípios de Sorriso, Campo Verde, Juscimeira, Várzea Grande, Cuiabá, Alto Araguaia, Diamantino, Sinop, Tangará da Serra, Juara, Novo Horizonte do Norte, Nobres, Nossa Senhora do Livramento, Guarantã do Norte, Rosário Oeste, Nova Mutum e Paranaíta.

Leia mais:  Feira do Centro oferece um riquíssimo alimento conhecido pelo homem há 6 mil anos

De acordo com o diretor técnico do Indea, Renan Tomazele, as vantagens são para todos. “Ganham as pequenas empresas que futuramente poderão vender os produtos em Mato Grosso, bem como, toda a população que obterá acesso a novos produtos produzidos e comercializados de forma regular”, destaca.

(Redação EB, com Assessoria Sedec-MT)

publicidade

Cidades & Geral

Feira do Centro oferece um riquíssimo alimento conhecido pelo homem há 6 mil anos

Publicado

Entre tantos produtos de destaque da Feira do Produtor do Centro, o leite natural é um deles. Este produto de origem animal e seus derivados, integram um grupo de alimentos essenciais na alimentação. É rico em cálcio e proteínas e, também, é importante fonte de fósforo, potássio, sódio e vitaminas.

O leite faz parte da alimentação das pessoas já na infância, compondo a dieta humana há 6.000 anos, desde o período Neolítico (idade da pedra polida), quando o homem se sedentarizou.

Segundo especialistas em nutrição, o consumo de leite é importante em todas as idades, pois contém cálcio, com alta biodisponibilidade. Faz bem aos ossos e ao coração, previne a depressão e auxilia no crescimento, ajuda na formação da massa muscular e contribui para perda de peso nos casos em que a balança aponta excesso.

Valdeci, com a esposa Cleide: Tradição na produção e comercialização de leite natural e derivados.

Seu consumo adequado ao longo da vida permite manter a densidade óssea, protegendo contra doenças como a osteoporose. De quebra, contribui para a qualidade do sono, controla a diabetes, hidrata o organismo, melhora a pressão arterial e regula a flora intestinal.

Leia mais:  Aeroporto Regional: “Previ isso ano passado”, disse Mendes, sobre falta empreiteiras no MT

Não é verdade que o leite de vaca contém hormônios injetados no animal. O leite natural é, isso sim, um alimento completo, absolutamente saudável e muito bem aceito pelas crianças.

É ingrediente fundamental da gastronomia, compondo diversas receitas. Veja no link: https://www.receitasnestle.com.br/blog-post/receitas-com-leite.

Onde

Na Feira do Centro, o leite natural e seus derivados são destaque Box-81, de Valdeci Ferraz Aquino e família. Com propriedade no Acampamento (Linha 12), Valdeci, preside a Associação dos Feirantes e é o gestor do mercado público. Em seu box, ele comercializa, além do leite natural, derivados como queijos, doce pastoso, doce em cubos, nata e a tradicional ‘cachorrada’, um delicioso doce semelhante à ambrosia, porém sem ovos.

O leite natural e os queijos também podem ser encontrados nos boxes 5-A (Pedro José de Freitas), 6-A (Neide Cristina), 9-A (Flávio e Sandra Freitas), 10-A (Sônia Freitas) e 51-A (Fábio Hipólito), todos com propriedades no Córrego das Pedras. Nos boxes 20-A e 51-A, Osvaldir Bandiera e Edson Cabral de Souza também oferecem leite e queijos vindos do Acampamento e da Gleba Bandeirantes.

Leia mais:  Feira do Centro oferece um riquíssimo alimento conhecido pelo homem há 6 mil anos

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana