TANGARÁ DA SERRA

Saúde Pública

Governo de Mato Grosso anuncia compra direta de 1,2 milhão de doses da vacina ‘Sputnik V’

Publicado em

O governador Mauro Mendes anunciou a compra direta de 1,2 milhão de doses da vacina russa Sputnik V, que combate a covid-19. O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira (31.03), logo após a assinatura do contrato com a fabricante. A Sputnik V possui eficácia comprovada de 91,6%.

“A vacinação é o caminho mais rápido e seguro para barrar a circulação do vírus e todos os impactos que essa doença acarreta à vida das pessoas. Temos acionado embaixadas e empresas pelo mundo, mas a grande maioria se nega a fazer negociações diretas com os governos estaduais, assim, há mais de um mês, em parceria com o Consórcio da Amazônia e do Nordeste, iniciamos as tratativas para compra da vacina Sputnik. Hoje temos um acordo. Hoje, o grande desejo da população é se ver livre desse tormento que tem tirado tantas vidas”, declarou o governador Mauro Mendes.

De acordo com o contrato, será adquirido um total de 1.201.500 doses, sendo necessária a aplicação de duas doses por pessoa para a imunização completa, assim como ocorre com a Coronavac.

Cada dose custará U$S 9.95 dólares, resultando em um total de U$S 11,95 milhões – cerca de R$ 67,3 milhões de reais.

Os imunizantes serão entregues por lotes. A previsão é que os primeiros lotes cheguem já na segunda quinzena de abril, e os últimos em julho.

Mauro Mendes explicou que caso o Ministério da Saúde não tenha interesse em custear a vacina para incorporá-la ao Plano Nacional de Imunização (PNI), o Governo de Mato Grosso irá arcar com todos as despesas e usar o imunizante para vacinação exclusiva da população mato-grossense, em complemento às vacinas disponibilizadas pelo ministério.

Articulação

A aquisição das vacinas foi possível pela parceria entre os governadores integrantes do Fórum de Governadores da Amazônia Legal e do Consórcio Nordeste, que articularam em conjunto a compra das vacinas.

Desde o ano passado, o governador Mauro Mendes busca a compra direta de vacinas, tendo conversado com todos os laboratórios e fabricantes, bem como procurado auxílio de embaixadores e outros meios diplomáticos.

(Secom-MT)

Comentários Facebook
Advertisement

Saúde Pública

Campanha da vacinação contra pólio começa dia 15; Rotary defende ampliação da cobertura

Published

on

Começa no próximo dia 15 (segunda-feira) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite no estado de Mato Grosso. A campanha, que estava prevista para começar no início dessa semana, foi adiada em razão do atraso na remessa das vacinas pelo Ministério da Saúde.

As doses da vacina são custeadas através de parceria de alcance mundial, em ação conjunta liderada pelo Rotary Internacional, através da Iniciativa Global de Erradicação da Pólio. Segundo o governador assistente da região 6 do Distrito 4440 do Rotary, Alfredo Acácio Nuernberg, a cobertura vacinal contra a poliomielite ainda está baixa em Mato Grosso. “Podemos ampliar esta cobertura e vamos levar esta campanha ao conhecimento do público através da Imprensa, das redes sociais e do trabalho dos nossos companheiros de Rotary, divulgando amplamente os dias de campanha de vacinação”, disse o membro rotariano.

Estimativa

De acordo com a secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), a estimativa é imunizar 227.559 crianças menores de cinco anos. Até o momento, chegaram 170 mil doses da vacina na Rede de Frio do Estado. Como houve o atraso na remessa, as equipes da Vigilância e Atenção à Saúde da SES não tiveram tempo hábil para organizar a logística e distribuir as doses aos municípios até ontem (segunda, 08). Porém, os trabalhos de recebimento das doses, de conferência da quantidade, na catalogação dos imunizantes e no encaixotamento estão em finalização e a distribuição das doses aos municípios está em vias de iniciar, criando condições para o início da campanha na próxima segunda-feira.

Multivacinação

Paralelamente à vacinação contra a poliomielite, o estado promoverá, a partir do dia 15, a campanha de multivacinação para atualização da caderneta da criança e do adolescente menor de 15 anos. Ao todo, serão aplicadas 700 mil doses de vacinas que integram o Calendário Nacional de Vacinação.

Também haverá vacinação, no mesmo período, contra a Covid-19. O Dia “D” de mobilização nacional das duas campanhas está previsto para ocorrer em 20 de agosto, mas os municípios terão autonomia para definir as datas de mobilização para a vacinação de acordo com a realidade local.

Comentários Facebook
Continue Reading

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana