conecte-se conosco


Infraestrutura & Logística

Governador vem a Tangará nesta sexta para assinar convênio para pavimentação da MT-358

Publicado

Será assinado nesta sexta-feira (13/05) o convênio entre Governo do Estado e Associação dos Produtores do Chapadão do Rio Verde para pavimentação do trecho da MT-358 no Chapadão do Rio Verde.

A assinatura do convênio acontecerá na localidade de Itanorte, a partir das 10h00, com presença do governador Mauro Mendes (União). Além do governador, marcarão presença outras autoridades estaduais, prefeitos, vereadores e produtores rurais da região.

Entre as autoridades regionais que confirmaram presença estão os prefeitos de Tangará da Serra, Vander Masson (PSDB), e o de Campo Novo do Parecis, Rafael Machado (União), assim como o deputado estadual Dr. João.

Obra

Assinada em março último, durante reunião no Palácio Paiaguás entre o governador Mauro Mendes e a Associação de Produtores do Chapadão do Rio Verde, a ordem de serviço reflete a aprovação pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SINFRA-MT) do projeto e orçamento de um trecho de 30,72 quilômetros na rodovia estadual, conforme termo de Aprovação de Projeto 010/2022/SUPR, emitido pela pasta estadual no final de janeiro.

MT-358 já recebe manutenção através da Associação dos Produtores do Chapadão do Rio Verde.

“Foi um dia histórico para Tangará da Serra e para a comunidade do Chapadão do Rio Verde, que há décadas sonha com o asfalto. É uma região que tem uma grande produção agropecuária e que muito contribui para a economia de Tangará da Serra e região”, disse, na oportunidade, o gerente operacional da Associação, Edílson Sampaio, que estará à frente das obras.

Leia mais:  MT-358: Trecho entre Tangará e Serra dos Parecis segue em reparos pela concessionária

O trecho autorizado corresponde à primeira etapa de um projeto executivo que prevê um total de 53 quilômetros de rodovia, a partir do entroncamento com a BR-364 (proximidades da Ciapar/Itanorte) sentido BR-174/Nova Lacerda, no oeste do estado. A obra está orçada em R$ 36.392.488,73.

Números

A manutenção da estrada já é realizada pela Associação dos Produtores do Chapadão do Rio Verde, sob coordenação de Edílson Sampaio. Os trabalhos garantem o escoamento da produção daquela região.

Edílson destaca que as principais culturas no Chapadão do Rio Verde são soja, milho e algodão, cujas lavouras ocupam cerca de 130 mil hectares. As demais culturas são arroz, girassol, milho pipoca e feijão, que somam perto de 10 mil toneladas, além da produção de florestas de eucalipto e um rebanho bovino equivalente a 10 mil cabeças.

“O faturamento com a safra na região do Chapadão gira em torno de R$ 1 bilhão, com cerca de 1.000 empregos gerados”, considera Sampaio. Ele estima que somente com o Fundo Especial para o Transporte e Habitação (FETHAB) a arrecadação supere os R$ 10 milhões, sem contar o transporte de gado. “Com o asfalto, a região do Chapadão vai agregar valor e ampliar sua produção. Isso representa muito para Tangará da Serra e toda a região”, conclui.

Leia mais:  MT-358: Trecho entre Tangará e Serra dos Parecis segue em reparos pela concessionária

publicidade

Infraestrutura & Logística

MT-358: Trecho entre Tangará e Serra dos Parecis segue em reparos pela concessionária

Publicado

O trecho da MT-358 entre o perímetro urbano de Tangará da Serra e a Serra dos Parecis está recebendo trabalhos de restauração pela Via Brasil, concessionária responsável pela rodovia. Os trabalhos consistem na recuperação do pavimento para posterior aplicação de capa asfáltica.

A MT-358, vale lembrar, está concessionada para o Consórcio Via Brasil já há um ano, deste maio do ano passado O trecho da rodovia entre Tangará da Serra e a Serra dos Parecis sofreu grave deterioração com o último período chuvoso. Acidentes foram registrados em razão do mau estado da pista.

Simultaneamente aos trabalhos de recuperação da estrada, a concessionária já constrói as praças de pedágio, cuja cobrança acontecerá a partir do ano que vem.

A tarifa atual para cada uma das quatro praças de pedágio é de R$ 9,40, mas deverá sofrer reajuste a partir de 2023.

Ao longo do trecho Itanorte-Jangada – que inclui as MTs 358, 343 e 246 até o entroncamento com a BR-163 – serão quatro praças de pedágio, sendo uma no alto da Serra dos Parecis, uma nas proximidades do distrito de São Joaquim (antes do trecho em declive da Serra de Tapirapuã) e duas entre Nova Olímpia/Barra do Bugres e a rodovia federal já citada.

Leia mais:  MT-358: Trecho entre Tangará e Serra dos Parecis segue em reparos pela concessionária

A tarifa atual para cada uma das quatro praças de pedágio é de R$ 9,40, mas deverá sofrer reajuste a partir de 2023 para reposição de perdas inflacionárias.

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana