conecte-se conosco


Cidades & Geral

Feira do Centro oferece uma hortaliça que incrementa a mesa de domingo e favorece a saúde

Publicado

Quando se fala em agricultura familiar, logo nos vem à mente fartura, sabor e simplicidade. Pois, estes três conceitos estão incorporados numa hortaliça muito popular: o rabanete.

Esse tubérculo pode ser encontrado nesta época com fartura e qualidade indiscutível na Feira do Produtor do Centro. Neste domingo (29), por exemplo, o rabanete estará lá, à disposição do consumidor, no setor de hortifrutis. E não somente no domingo que o tubérculo dá ‘as caras’, mas também nas feiras de quarta.

História e consumo

Com seu sabor peculiar, o rabanete é um vegetal apreciado desde a antiguidade na culinária do mundo inteiro. Tem origem mediterrânea e foi muito apreciado pelas antigas civilizações egípcia, grega e romana, que o consumiam com mel e vinagre. A hortaliça é, também, mencionada em livros chineses que datam de 2.700 a.C.

Seu sabor é marcante, agradavelmente picante. No Brasil é consumido preferencialmente na forma de saladas e conservas, mas também pode ser assado e compor risotos, sopas e refogados. Suas folhas também podem ser consumidas refogadas e misturadas em bolinhos de arroz e com farinha de trigo, mandioca ou fubá.

Leia mais:  Sinal 5G começará a funcionar em Brasília na quarta-feira; No MT, prazo é para setembro

Benefícios à saúde

Mas o rabanete não é valorizado apenas por seu sabor, mas também por todos os benefícios que ele traz à saúde e à boa forma. E são muitos: Tem poder antioxidante e antitumoral, ajuda na perda de peso e no tratamento da icterícia, auxilia contra problemas urinários, promove a saúde cardiovascular, dos intestinos e do sistema respiratório, favorece a normalização da pressão arterial, ajuda a manter a pele saudável, é utilizado no tratamento da febre, fortalece o sistema imunológico, ajuda no bom funcionamento do fígado e da vesícula biliar, além de contribuir para o ganho de massa muscular.

No link abaixo, várias receitas com rabanete:

42 receitas com rabanete para inovar na cozinha

publicidade

Cidades & Geral

Sinal 5G começará a funcionar em Brasília na quarta-feira; No MT, prazo é para setembro

Publicado

Brasília será a primeira capital do país a ter a rede 5G em funcionamento na telefonia móvel. Segundo o conselheiro e vice-presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Moisés Moreira, o sinal será liberado em Brasília nesta quarta-feira (6).

Em participação no evento Teletime Inc, em São Paulo, o grupo técnico da Anatel encarregado de avaliar a desocupação da faixa de 3,5 gigahertz (GHz) aprovou a ativação do sinal 5G na capital federal no fim da tarde de hoje (4). Segundo Moreira, as próximas capitais a terem a tecnologia liberada serão Belo Horizonte, Porto Alegre e São Paulo, sem data prevista por enquanto.

Moreira preside o grupo da Anatel responsável pela liberação das frequências 3,5 GHz, por onde transitará o sinal da telefonia 5G. Atualmente, essa faixa ainda está ocupada por empresas de antena parabólica que operam com a tecnologia Banda C e estão atrasadas com a migração para outra frequência, chamada de Banda Ku.

Originalmente, o edital do leilão do 5G, realizado em novembro do ano passado, previa que todas as capitais deveriam ser atendidas pela telefonia 5G até 31 de julho. No entanto, problemas com a escassez de chips e com atrasos na produção e na importação de equipamentos eletrônicos relacionados à pandemia de covid-19 provocaram atrasos no cronograma.

Leia mais:  Sinal 5G começará a funcionar em Brasília na quarta-feira; No MT, prazo é para setembro

O prazo para o funcionamento do 5G em todas as capitais passou para 29 de setembro. Segundo Moreira, o lançamento da rede 5G em Brasília servirá como teste, com a Anatel e as operadoras instalando filtros anti-interferência. Também está prevista a distribuição de decodificadores da Banda Ku à população de baixa renda que usa antenas parabólicas antigas que operam na Banda C.

(Agência Brasil)

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana