TANGARÁ DA SERRA

Cidades & Geral

Em 90 dias: Violência no trânsito motivará cidade a implantar lombadas eletrônicas

Publicado em

O alto índice de ocorrências de trânsito na área urbana de Tangará da Serra motivará a instalação de lombadas eletrônicas pela prefeitura local. A informação foi repassada na manhã desta quinta-feira (04) pelo secretário de Infraestrutura do município, Magno César Ribeiro, em entrevista à rádio Serra FM.

Além do alto número de acidentes – principalmente envolvendo motocicletas – e a completa falta de educação no trânsito, o município sente a sobrecarga no sistema público de saúde para atendimento das vítimas, muitas vezes com lesões graves que demandam procedimentos cirúrgicos.

Os casos de perdas humanas provocadas pelas ocorrências agravam as estatísticas. Recentemente, um menino de 12 anos foi atropelado quando saía da escola, na Avenida Virgílio Favetti. A criança não resistiu aos ferimentos e veio a óbito quando recebia tratamento num hospital da cidade.

Assim, conforme o titular da Sinfra, o município interpreta a instalação dos dispositivos como uma questão urgente. “Queremos instalar estas lombadas eletrônicas em 90 dias”, disse.

Avenida Lions Internacional é uma das vias que registra número considerável de ocorrências de trânsito.

A pasta de Magno ainda realiza levantamento para identificar os pontos mais críticos. Ele adianta, porém, que as vias que mais demandam dispositivos são as avenidas Lions Internacional (foto acima), Ignácio Bittencourt, Virgílio Favetti, Nilo Torres e Ismael José do Nascimento.

Leia mais:  Censo 2022: Após dois anos de adiamento, IBGE inicia pesquisas em Tangará e em todo o Brasil

Além das avenidas – sempre as mais movimentadas -, os bairros também tem registrado grande número de ocorrências de trânsito. Num aplicativo de rede social, um internauta identificado por ‘Valmir’ alerta para os perigos no bairro Nossa Senhora Aparecida, no cruzamento da rua 18 com a 13, ao lado da creche do bairro. “(…) Precisamos de redutores de velocidade e faixas de pedestres nessa esquina, o pessoal passa muitas vezes em alta velocidade já efetuando a curva, não respeitando também a placa de ‘Pare’… passa carretas por aqui e alguns motoqueiros fazem essa curva em alta velocidade e vão acabar se matando”, relatou o morador.

Magno destacou que as lombadas eletrônicas terão reflexo direto no bolso do motorista infrator, que, por si só, é fator de coibição de abusos. “Não se trata de querer multar, e sim de impor uma solução para um problema recorrente no trânsito da cidade”, justificou.

Comentários Facebook
Advertisement

Cidades & Geral

Mulheres líderes do agro realizam visita técnica à Brasília em visita à CNA, Senar e IPA

Published

on

Lideranças femininas do setor agropecuário de Mato Grosso embarcaram nesta quarta-feira (10.08) para uma visita técnica em Brasília. Ao longo dos próximos dias, um grupo com 40 mulheres visitará a Confederação Nacional de Agricultura e Pecuária (CNA), a sede do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), o Instituto Pensar Agro (IPA), entre outras instituições na capital federal.

As atividades fazem parte da programação da Academia de Liderança – Mulheres Líderes do Agro, a primeira organizada pelo Senar-MT exclusivamente ao público feminino. Ao todo, serão três encontros, de julho a setembro. Nesta segunda etapa, que ocorre em Brasília, as mulheres conhecerão mais sobre a atuação das instituições visitadas, seus representantes e a estrutura dos poderes executivo, legislativo e judiciário.

A Academia de Liderança reúne produtoras rurais, lideranças sindicais e mulheres que trabalham no setor agropecuário. O objetivo é formar líderes que possam atuar nas mais diversas esferas que envolvem a agropecuária no estado e impulsionar ainda mais o seu desenvolvimento.

No primeiro módulo, que ocorreu em Cuiabá, as participantes aprenderam mais sobre atuação política no agro e autoconhecimento e propósito. Além disso, tiveram a oportunidade de conhecer as áreas de atuação de cada uma das instituições do Sistema Famato: o Senar-MT, Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Instituto Agrihub, a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) e os Sindicatos Rurais.

Leia mais:  Depois do frio: Mato Grosso poderá ter onda de calor a partir do próximo final de semana

Essa é a primeira visita técnica da Academia de Liderança, após o início da pandemia de Covid-19. “Esse momento foi muito aguardado, a pandemia adiou o nosso projeto, mas finalmente conseguimos realizá-lo e estamos muito felizes em poder reunir e fortalecer as mulheres do nosso setor”, afirmou o superintendente do Senar-MT, Francisco Olavo Pugliesi de Castro, mais conhecido como Chico da Pauliceia.

Comentários Facebook
Continue Reading

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana