conecte-se conosco


Saúde Pública

Covid-19: Tangará registra aumento de 3.372% (33 vezes) nos casos desde 30 de dezembro

Publicado

A movimentação e os deslocamentos do público em festas e viagens a partir da segunda quinzena de dezembro impactou diretamente nos números da pandemia do novo coronavírus. Após a calmaria verificada no último trimestre do ano passado, as notificações de casos explodiram em todo o país, no Mato Grosso e, obviamente, em todos os municípios.

Em Tangará da Serra, a procura por pacientes com sintomas na UPA 24 Horas aumentou expressivamente. Os casos positivos de Covid-19 em 30 de dezembro era de apenas 18, com três internados, segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT). Porém, pelo último boletim epidemiológico emitido pelo município (terça, 11.01), os casos positivos somavam 625. Ou seja, em 12 dias, 607 pessoas contraíram o vírus, um aumento estratosférico de 3.372% (o equivalente a quase 34 vezes mais) em relação ao dia 30 de dezembro.

(Veja boletim, abaixo)

Por outro lado, nestes 12 dias, Tangará da Serra registrou apenas um óbito decorrente da moléstia. Os internados em UTI somam três (30% de ocupação dos leitos), enquanto outros dois estão internados em enfermaria (20% de ocupação).

Leia mais:  Covid-19: Tangará da Serra retorna para risco baixo; Cabaçal e Salto do Céu sob alto risco

Os casos acumulados no município somam 18.689, com 17.684 curados (94,6%).

Estado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde de ontem (terça, 11), 567.357 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.110 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 2.111 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 567.357 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 8.677 estão em isolamento domiciliar e 543.947 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 92 internações em UTIs públicas e 67 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 59,74%  para UTIs adulto e em 16% para enfermaria adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (115.340), Várzea Grande (42.143), Rondonópolis (38.849), Sinop 27.222), Sorriso (18.652), Tangará da Serra (18.607), Lucas do Rio Verde (15.900), Primavera do Leste (15.292), Cáceres (12.430) e Alta Floresta (11.683).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível no link abaixo.

Leia mais:  Covid-19: Tangará da Serra segue com o maior índice de cura, mas infecções aumentam em quase 40%

http://www.saude.mt.gov.br/informe/584

 

publicidade

Saúde Pública

Covid-19: Tangará e municípios vizinhos somam 2,5 mil casos ativos; Prefeito testa positivo

Publicado

O alto potencial de transmissão da variante ômicron do coronavírus tem representado altos números na pandemia da Covid-19 em Tangará da Serra e região anexa.

Levantamento realizado pelo Enfoque Business com base em dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) considera os números da pandemia em 13 municípios na região polarizada por Tangará da Serra, que soma 52.030 casos confirmados de Covid-19, com 895 óbitos, desde o primeiro registro da doença, em março de 2020.

Este número aponta que, na área avaliada (296.566 habitantes), 17,54% dos moradores já contraíram a doença.

Dos pacientes positivados desde o início da pandemia na região, 48.656 se recuperaram, o que significa um índice de cura de 93,52%. O índice de recuperação mais alto entre os municípios avaliados é de Tangará da Serra (96,07%), enquanto o menor índice é de Porto Estrela (73,34%).

(*) Veja tabela a seguir:

Neste universo, os casos confirmados de Covid-19 entre o dia 1º de janeiro e ontem (24/01) somaram 5.710. Destes, 2.549 estão ativos, com 164 pacientes internados. Tangará da Serra tem 100% dos leitos de UTIs ocupados e já extrapolou em 20% os de enfermaria.

Leia mais:  Covid-19: Nova variante chegou ao Brasil por Mato Grosso, através da Copa América

A média de crescimento de casos no período de referência é de 12,3%, com os quatro maiores percentuais verificados em Porto Estrela (35,49%), Nova Marilândia (32,22%), Denise (29,71%) e Barra do Bugres (24,84%).

Os menores percentuais de novos casos entre o dia 1º e o dia 24 deste mês estão em Nova Olímpia (0,81%), Alto Paraguai (1,72%), Sapezal (7,73%) e Tangará da Serra (8,65%).

Prefeito em tratamento

O prefeito de Tangará da Serra, Vander Masson (PSDB), testou positivo para Covid-19. Ele realizou o teste no domingo (24), quando teve os sintomas. Vander informou à redação que “está tudo sob controle”, seguindo à risca o tratamento.

No Estado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta segunda-feira (24.01), 601.453 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 14.205 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Dos 601.453 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 25.649 estão em isolamento domiciliar e 560.639 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 179 internações em UTIs públicas e 192 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 82,8% para UTIs adulto e em 42% para enfermaria adulta.

Leia mais:  Covid-19: Tangará da Serra retorna para risco baixo; Cabaçal e Salto do Céu sob alto risco

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (117.124), Várzea Grande (44.652), Rondonópolis (39.573), Sinop (28.292), Tangará da Serra (19.623), Sorriso (18.797), Lucas do Rio Verde (17.288), Primavera do Leste (16.600), Cáceres (13.552) e Alta Floresta (12.083).

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana