conecte-se conosco


Cidades & Geral

Barra do Bugres: CMS decidirá sobre projeto do hospital; Município retorna ao consórcio

Publicado

O Conselho Municipal de Saúde (CMS) de Barra do Bugres decidirá até a próxima semana sobre qual projeto será adotado para as obras de reformas do hospital municipal (foto topo).

Segundo Informações levantadas pelo EB, o município já tem assegurado pelo governo recursos na ordem de R$ 8 milhões, sendo parte já em conta vinculada, mas as obras ainda não têm projeto definido.

Após reunião com o CMS e contato com o governo, a prefeita Maria Azenilda Pereira (MDB) foi informada que, na verdade, o município pode aproveitar um projeto já disponível pelo próprio Estado ou optar por um projeto próprio. Após esta definição, com deliberação pelo CMS, haverá o encaminhamento ao governo.

A reativação do hospital municipal de Barra do Bugres é prioridade, já que o município não conta com nenhuma unidade hospitalar público ou privada, tendo de encaminhar seus pacientes para o município vizinho de Arenápolis ou para unidades hospitalares da região metropolitana. Partos também são realizados fora da cidade.

Leia mais:  Meteorologia prevê onda de frio intenso no país; Tangará da Serra poderá ter mínimas de 5°C

Retorno

Retorno ocorreu após reunião entre a prefeita Maria Azenilda Pereira com o presidente do CIDES ARP, Jossimar José Fernandes.

Na última sexta-feira (14) foi confirmado o retorno de Barra do Bugres ao Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Econômico, Social, Ambiental e Turístico do Alto do Rio Paraguai (CIDES ARP).

O retorno ocorreu após reunião entre a prefeita Maria Azenilda Pereira com o presidente do CIDES ARP, Jossimar José Fernandes, popular Zema, que é prefeito de Nortelândia.

Com o reingresso ao consórcio, o município terá apoio em políticas públicas nas áreas de turismo, meio ambiente, gestão de resíduos sólidos, iluminação pública, além de recuperação de estradas vicinais e pontes.

Após selar o retorno, a prefeita Azenilda Pereira ressaltou que a presença no consórcio resultará em benefícios em diversas áreas. “O município nunca deveria ter saído do consórcio. Isso fez com que a cidade perdesse muitos investimentos”, observou a gestora.

(Colaborou: Rubens Leite/Barra do Bugres e Assessoria)  

publicidade

Cidades & Geral

Feira do Centro oferece fruto da América para sucos, doces e pratos com peixes e carnes

Publicado

As frutas estão entre os itens mais comercializados na Feira do Produtor do Centro. Nesta época do ano, uma fruta da época se destaca pela qualidade e visual notável: o maracujá.

Oferecido fartamente no setor de hortifrutis do mercado público de Tangará da Serra, o maracujá é alternativa de renda na agricultura familiar a partir de um manejo especializado para manter o bom padrão.

O fruto é natural da América e pode ser encontrado, nativo, em matas desde o Rio Grande do Sul até o norte do Brasil. Também é comum em toda a América Central e na Flórida, já nos Estados Unidos.

Oferecido fartamente no setor de hortifrutis do mercado público de Tangará da Serra, o maracujá é alternativa de renda na agricultura familiar.

Além de saborosa, a fruta rende inúmeros benefícios à saúde humana, sendo importante para fortalecer o sistema imunológico, controlar a glicose no sangue e, também, no combate ao estresse e à ansiedade.

De acordo com o presidente da Associação dos Feirantes (Asfet), Valdeci Ferraz Aquino, o maracujá ofertado na Feira se destaca pela qualidade e preço atrativo. “A qualidade do maracujá oferecido pelos nossos feirantes sempre chama atenção do consumidor e isso ajuda a manter uma grande movimentação na Feira do Centro às quartas e aos domingos”, observa.

Leia mais:  Caldo de cana na Feira do Centro, um brinde à história e à geração de emprego e renda

Maracujá na culinária

O maracujá pode ser consumido ao natural ou na forma de sucos. Mas o fruto incrementa a culinária brasileira como um ingrediente de classe. O maracujá rende sorvetes, musses, bolos, tortas e vários tipos de doces.

Mas também é utilizado com sucesso e requinte em pratos salgados à base de peixes e carnes vermelhas e de frango.

Para ver 48 receitas com maracujá, acesse o seguinte link a seguir clicando nos trechos sublinhados em vermelho: https://www.receiteria.com.br/receitas-com-maracuja/

Atendimento

Neste domingo, mais um a vez a Feira estará de portas abertas a partir das 06h00, até o meio-dia. Além do maracujá e outras frutas, os consumidores terão à sua disposição uma grande variedade de hortaliças, carnes e embutidos, leite natural e seus derivados, produtos coloniais, doces, temperos, além da tradicional praça de alimentação.

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana