TANGARÁ DA SERRA

Cidades & Geral

Barra do Bugres: Aldeia Umutina recebe investimentos para abastecimento de água

Publicado em

A aldeia indígena Umutina, em Barra do Bugres, recebeu investimentos em abastecimento de água através da perfuração e estruturação de cinco poços artesianos. As obras foram viabilizadas com recursos da Companhia Mato-grossense de Mineração (METAMAT), após pleito da comunidade indígena.

As aldeias contempladas são a Boropo, Katamã, Barreiro, Acorizal e Macepo. O pleito dos indígenas teve o apoio do vereador Lennon Corezomae (PODE), que é indígena da nação Umutina. Lennon representou o poder público ao acompanhar as lideranças indígenas quando do protocolo da demanda na METAMT, junto ao presidente da companhia, Juliano Jorge.

Representantes da comunidade Umutina comemoraram atendimento da demanda com lideranças de Barra do Bugres.

Os poços têm um custo individual de R$ 200 mil, representando investimento total de R$ 1 milhão nos cinco sistemas. Segundo informações do vereador Lennon, os valores incluem os trabalhos de perfuração e os encanamentos, os reservatórios, as bombas e equipamentos de energização dos poços (placas, baterias e cabos), entre outros dispositivos estruturais.

Leia mais:  Tangará da Serra: Membros do Conselho Fiscal do PSA foram empossados na última quinta

As obras para instalação dos poços também contaram com apoio da primeira-dama do Estado, Virgínia Mendes, que visitou a aldeia no final de outubro. Com os poços, fica atendida uma antiga demanda da comunidade Umutina de Barra do Bugres.

(Redação EB, com informações e fotos de Rubens Leite/Barra do Bugres)

Comentários Facebook
Advertisement

Cidades & Geral

Feira do Centro: Com preço atrativo e qualidade, abacaxi é opção em fruta para o consumidor

Published

on

As frutas de estação sempre são destaque na Feira do Produtor do Centro e o abacaxi já desponta, a partir deste mês de agosto, com suas primeiras colheitas realizadas pelo pequeno produtor.

O abacaxi é uma tradição em Tangará da Serra. É opção de sabor e fonte de energia para a saúde de quem consome esta fruta tipicamente sul-americana. Pode ser consumido in natura, em sucos e drinques. É ingrediente rico para doces, compotas, geleias, bolos e tortas. Vai muito com um bom churrasco, assado na brasa, com canela e outras especiarias. (Veja receitas ao final do texto)

O abacaxi ocorre em toda região de planície da América do Sul, sendo historicamente apreciada pelos povos indígenas. É considerada uma “superfruta” por estudiosos e profissionais de nutrição em virtude da sua ampla gama de benefícios, sendo uma grande fonte de vitaminas, minerais e substâncias funcionais, como compostos bioativos, água e fibras.

De sabor marcante e exclusivo, ricamente adocicado, o fruto ajuda a evitar o desenvolvimento de doenças graves, combate estresse, melhora a saúde mental, fortalece os músculos, reduz inchaços e contribui para o bom funcionamento do organismo. De quebra, fortalece a imunidade, melhora a digestão, previne infecções, diminui e retarda o envelhecimento.

Leia mais:  Tangará da Serra: Membros do Conselho Fiscal do PSA foram empossados na última quinta

“É uma fruta que temos em abundância aqui na Feira, é produzida por muitos dos nossos feirantes com a qualidade de sempre e preço muito em conta”, diz o presidente da Associação dos Feirantes de Tangará da Serra (Asfet), Valdeci Ferraz Aquino.

Nos boxes

Produzido em Tangará da Serra no Assentamento Antônio Conselheiro – agrovilas 04 e 07 e nos 40 lotes – e também em Progresso, São Joaquim e na região das Cabeceiras do Queima Pé, o abacaxi é facilmente encontrado na Feira do Centro, no setor de hortifruti.

Veja 65 receitas com abacaxi no link abaixo:

65 receitas com abacaxi adocicadas e azedinhas na medida certa

Comentários Facebook
Continue Reading

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana