conecte-se conosco

Profissionais & Tecnologias

Hidrômetros inteligentes substituirão convencionais em Tangará da Serra

Publicado

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto – SAMAE – já executa a primeira etapa de implantação de hidrômetros inteligentes na rede de fornecimento de água do perímetro urbano de Tangará da Serra. A informação é do diretor da autarquia, Wesley Lopes Torres.

Primeiro bairro a receber a tecnologia é o Alto da Boa Vista. Meta é implantar 10 mil dispositivos até ano que vem.

A instalação obedece a um criterioso planejamento que considera no cronograma o aspecto custo-benefício. O primeiro bairro a receber a tecnologia é o Residencial Alto da Boa Vista, que já ganhou 850 hidrômetros inteligentes e deverá ter instaladas, até o final deste mês, um total de 1.300 unidades. A próxima localidade urbana receber os dispositivos será o Morada do Sol.

Segundo Wesley, até ano que vem a cidade receberá um total de 10 mil novas unidades, representando 1/3 das unidades consumidoras da área urbana. O objetivo é empregar agilidade e exatidão nas leituras de hidrômetros, além de proporcionar economia nos serviços. “Queremos eliminar leituras incorretas, perdas e fraudes no consumo de água, além de proporcionar segurança nas faturas emitidas ao consumidor”, diz.

Wesley Torres, diretor do SAMAE: Eliminação de perdas com leituras incorretas e fraudes no consumo de água.

Sistema

Leia mais:  Brasil e Alemanha lançam estudos sobre mobilidade elétrica

Os hidrômetros inteligentes em instalação são produzidos pela HidroReader, startup com sede em Tangará da Serra e que venceu o processo licitatório realizado pelo SAMAE. A HidroReader também tem sistemas atendendo cidades dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro.

Através de um simples smartphone ou tablet, o sistema coleta com precisão a leitura de consumo através de software embarcado (firmware), que mede o consumo de água eletronicamente evitando a leitura incorreta dos hidrômetros. O dispositivo também detecta vazamentos e fraudes, podendo conectar toda a área urbana, diminuindo drasticamente o índice de perda de água tratada.  “Já temos um número expressivo de unidades nas quais detectamos possibilidade de vazamentos, cujos consumidores serão notificados”, informa o CEO da HidroReader, Thiago Zago.

A agilidade e rapidez na leitura também representa economia, já que contará com equipe reduzida no serviço. Para se ter uma ideia, somente no Alto da Boa Vista a coleta de dados poderá ser realizada entre 20 e 30 minutos.

CEO da HidroReader, Thiago Zago (dir), e o CTO André Heringer: dispositivo também detecta vazamentos e fraudes, podendo conectar toda a área urbana.

Leia mais:  Startup de Israel desenvolve tratamento para cura do câncer
publicidade

Profissionais & Tecnologias

Setores de TI e internet dominam ranking sobre mercado de trabalho

Publicado

As profissões ligadas ao setor de tecnologia da informação e internet devem predominar no mercado de trabalho em 2020. A estimativa é da rede social profissional Linkedin. O levantamento “Profissões Emergentes” aponta que o gestor de redes sociais ocupa a primeira posição do ranking, seguido pelo engenheiro de cibersegurança e o representante de vendas.

O ranking é realizado a partir de informações do LinkedIn e destaca as profissões que têm se destacado. O levantamento mostra 15 profissões que devem liderar o mercado de trabalho. Destas, 13 estão associadas ao setor de tecnologia da informação ou à internet.

Esta é a primeira vez que a lista é segmentada por país. Além do levantamento no Brasil, a pesquisa aponta as habilidades mais requisitadas e os setores que mais contratam cada uma delas. A lista completa e o detalhamento das profissões podem ser acessadas no Linkedin.

“O mercado de trabalho, assim como outras esferas da vida na era da digitalização, vive uma dinâmica acelerada de transformações, às quais, muitas vezes, parecemos não ter tempo disponível para nos adaptar. Escolher o melhor caminho para nos prepararmos às novas demandas da nossa profissão ou, mais ainda, de uma outra carreira para a qual queiramos migrar é cada dia mais desafiador”, afirmou o diretor-geral do LinkedIn para a América Latina, Milton Beck.

Leia mais:  Startup de Israel desenvolve tratamento para cura do câncer

Profissões

Segundo o levantamento, o gestor de mídias sociais aparece como o profissional com demanda mais aquecida no mercado: a procura por ele cresceu anualmente no Brasil em média 122% entre 2015 e 2019. Os profissionais da área são responsáveis pela imagem, pelo relacionamento e engajamento e pela prospecção de uma empresa nos canais digitais.

O engenheiro de cibersegurança é o segundo profissionais mais buscado no mercado de trabalho e apresenta um crescimento anual de 115%. O aumento na demanda pela profissão é reflexo da conectividade atual, onde qualquer dispositivo ligado à internet é vulnerável a ataques cibernéticos e, dessa forma, a segurança de dados na rede se tornou central para as empresas.

A pesquisa também mostra o aumento no uso de aplicativos para transporte privado de passageiros e entregas em domicílio e de logística. Esse comportamento coloca a profissão de motorista entre as 15 em ascensão no próximo ano. A demanda anual por essa função aumentou uma média de 68% nos últimos cinco anos. Além de estar habilitado para dirigir, o profissional procurado precisa saber técnicas de negociação e atendimento ao cliente.

Leia mais:  Brasil e Alemanha lançam estudos sobre mobilidade elétrica

O mercado financeiro também é destaque no ranking. Seis das profissões em alta são fortemente procuradas por empresas do ramo financeiro, como mercado de capitais, investidoras, bancos e serviços afins. Entre os destaques está o consultor de investimento, que orienta os clientes na tomada de decisão de como aplicar os recursos deles, de acordo com as expectativas e necessidades de cada pessoa. Este profissional precisa dominar as carteiras para direcionar as melhores estratégias àquele perfil. A carreira tem crescimento anual de 61%.

Confira a lista das 15 profissões emergentes no Brasil em 2020, segundo LinkedIn:

  1. Gestor(a) de mídias sociais
  2. Engenheiro(a) de cibersegurança
  3. Representante de vendas
  4. Especialista em sucesso do cliente
  5. Cientista de dados
  6. Engenheiro(a) de dados
  7. Especialista em Inteligência Artificial
  8. Programador(a) de JavaScript
  9. Investidor(a) Day Trader
  10. Motorista
  11. Consultor(a) de investimentos
  12. Assistente de mídias sociais
  13. Desenvolvedor(a) de plataforma Salesforce
  14. Recrutador(a) especialista em Tecnologia da Informação
  15. Coach de metodologia Agile

(Fonte: Linkedin/EBC)

Continue lendo

Envie sua sugestão

Clique no botão abaixo e envie sua sugestão para nossa equipe de redação
SUGESTÃO

Empresas & Produtos

Economia & Mercado

Contábil & Tributário

Governo & Legislação

Profissionais & Tecnologias

Mais Lidas da Semana